Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Love não vê problema em vibrar contra o Verdão: "Sou flamenguista"

Rio de Janeiro (SP)

Decisivo na volta do Palmeiras à Série A em 2003, Vagner Love pode mandar a equipe de volta à segunda divisão neste domingo. O atacante é o principal jogador do Flamengo e avisou que não verá problemas em comemorar caso balance a rede da desesperada ex-equipe em Volta Redonda.

"Lógico que vou comemorar com minha torcida, com quem está comigo no dia a dia, com quem torce por mim. Tenho respeito pelo Palmeiras, mas não vai ser esse jogo que vai rebaixar o Palmeiras. Eles tiveram uma sequência ruim e estão pagando por isso agora", afirmou.

Negociado com o CSKA Moscou em 2004, Love teve uma segunda passagem pelo Verdão em 2009 e não foi feliz. Com o time em queda livre e a perda de um título brasileiro que estava próximo, o atacante foi bastante criticado e se envolveu em briga com torcedores na porta de uma agência bancária, o que definiu sua saída.

Segundo o jogador, o adeus conturbado ficou para trás. "Não vou entrar em campo com esse pensamento de vingança. Saí do Palmeiras porque tive problemas com alguns torcedores, não com todos. É um clube que me deu oportunidade de eu chegar aonde cheguei, tenho carinho muito grande", afirmou.

De qualquer maneira, o camisa 99 do time rubro-negro deixou bem claro que não está exatamente preocupado com a situação do Palmeiras: "Nunca escondi que sou flamenguista. Então, tenho de me preocupar é com o Flamengo".

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade