Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

"Palmeiras não é apenas o Barcos", analisam flamenguistas

Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

Apesar de matematicamente livre do risco de rebaixamento, o Flamengo quer fazer bonito e conquistar o triunfo diante de um desesperado Palmeiras, às 17h (de Brasília) deste domingo, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Um dos trunfos do time paulista é o artilheiro argentino Barcos, que tem deixado a sua marca com regularidade. Os flamenguistas admitem muita preocupação com o atacante palmeirense, mas lembram que o rival não tem apenas esse ponto forte.

“O Palmeiras não é apenas o Barcos, que logicamente é um grande centroavante e preocupa bastante. Mas o time deles conta com outros jogadores de qualidade que não podem ganhar espaço senão vão nos criar problemas. O Flamengo tem que pensar na sua própria marcação, em não ceder campo para nenhum jogador do Palmeiras. Assim vamos encurtar o caminho para a vitória”, afirma o meia Renato Abreu.

Um dos responsáveis pela marcação no Flamengo, o volante Amaral é outro que elogia o atacante argentino, mas ressalta a necessidade de prestar atenção com todo o time palmeirense. “O Barcos é um jogador muito perigoso, acostumado a decidir e que não tem medo de chutar, independente de onde esteja dentro de campo. Com ele o Palmeiras também ganha bastante nas jogadas aéreas. Mas não podemos cair no erro de nos preocuparmos somente com ele, senão outros jogadores ganham espaço para decidir e complicam a nossa estratégia”, diz o jogador.

Na visão do goleiro Paulo Victor, que tem tudo para ser um dos mais preocupados com a boa fase de Barcos, o Palmeiras tem outros pontos mais preocupantes que o argentino. Ele cita, por exemplo, a qualidade do volante Marcos Assunção nas cobranças de falta.

“O Barcos realmente preocupa muito e temos que estar atentos, mas não podemos esquecer das outras forças do Palmeiras. Por exemplo, o Marcos Assunção pode decidir qualquer partida em uma cobrança de falta e vamos ter que estar atentos para evitar que ele tenha muitas oportunidades ao longo da partida. O Barcos também não pode ficar em condições de decidir. Vai ser um jogo muito complicado”, avalia o goleiro.

O Flamengo está definido para o duelo com o Verdão. O técnico Dorival Júnior comandou um coletivo na manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, e só vai fazer uma modificação em relação à formação que derrotou o Náutico por 1 a 0 no final de semana passado, em Pernambuco. O lateral esquerdo Ramon, que cumpriu suspensão diante dos pernambucanos, reaparece no posto do jovem Felipe Dias, que retorna para o banco de reservas.

Dorival, porém, não tem também muitas opções à disposição para mudar a equipe, já que continua com problemas. O goleiro Felipe, que sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo no empate por 1 a 1 com o Atlético-MG, o lateral direito Leonardo Moura, com incômodo na panturrilha direita, e o atacante Liedson, com dores no joelho esquerdo, permanecem vetados.

Dessa maneira, o Flamengo, se deve ir a campo neste domingo com a seguinte escalação: Paulo Victor, Wellington Silva, Marcos González, Renato Santos e Ramon; Amaral, Ibson, Renato Abreu e Cleber Santana; Hernane e Vagner Love. Neste sábado pela manhã o elenco participa de um recreativo no Ninho do Urubu e depois a delegação embarca para Volta Redonda.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade