Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Chuva leve atinge Interlagos antes do treino classificatório

André Sender e Bruno Ceccon São Paulo (SP)

A esperada chuva chegou ao Autódromo de Interlagos antes do treino classificatório para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. A cerca de 35 minutos do início das atividades, as primeiras gotas de água atingiram o circuito.

A ainda fraca e inconstante precipitação causou correria entre os membros das equipes da Fórmula 1, que rapidamente montaram toldos no paddock para proteger os equipamentos utilizados durante o fim de semana.

Depois de uma sexta-feira de forte calor em São Paulo, o treino livre da manhã de sábado foi disputado com céu encoberto e temperatura inferior a 30ºC.

Após a atividade, a concentração de nuvens negras sobre Interlagos aumentou e o fato foi ressaltado pelos próprios pilotos, que apontam a instabilidade do clima no circuito como uma das variáveis mais importantes para o resultado da corrida.

O Grande Prêmio do Brasil, última etapa do Mundial de Fórmula 1, recebe a definição do campeonato. O alemão Sebastian Vettel tem 13 pontos de vantagem para o espanhol Fernando Alonso e precisa apenas de um quarto lugar na prova para conquistar o tricampeonato da categoria.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade