Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Hamilton celebra última pole, mas prevê loteria em corrida com chuva

São Paulo (SP)

O britânico Lewis Hamilton cumpriu parte da missão para ter seu fim de semana ideal de despedida da McLaren. Neste sábado, ele conquistou a pole position para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, com o tempo de 1min12s458, mas acredita que isto não é garantia de que terá facilidades para vencer sua última prova na equipe. Com a previsão de chuva para a corrida deste domingo em São Paulo, ele aponta que a sorte pode ter influência no resultado.

Hamilton, que competirá pela Mercedes em 2013, venceu o GP dos Estados Unidos, na última semana, e demonstrou bom ritmo durante todo o fim de semana em São Paulo. Ele foi o mais rápido dos treinos livres de sexta-feira em Interlagos e garantiu a pole com 0s055 de vantagem para seu companheiro Jenson Button, segundo colocado do grid.

"Tem sido um bom fim de semana até agora. Estou feliz por colocar o carro na primeira fila e ter uma última dobradinha com Jenson no classificatório. Foi um trabalho fantástico do time. Espero que isso possa se transformar em algo realmente positivo amanhã", disse o britânico, que se despede da McLaren após seis anos no time.

Apesar da expectativa de conseguir a vitória em sua última prova pela escuderia de seu país, o próprio piloto admite que a missão não será tão simples neste domingo. A previsão para a prova é de chuva forte, o que aumenta a chance de acidentes e pode causar alteração no rendimento de cada carro, mas Interlagos é conhecido entre as equipes da Fórmula 1 pela instabilidade do clima.

AFP
Lewis Hamilton fez a pole position do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, sua última corrida pela McLaren

Neste sábado, por exemplo, após uma manhã com calor e céu encoberto por algumas nuvens, o circuito foi atingido por uma chuva leve antes do treino classificatório. A precipitação cessou em minutos e já durante a tomada de tempos o sol brilhava novamente, causando aumento na temperatura do asfalto.

"Acho que o clima vai ser complicado amanhã então será um pouco uma loteria, mas nos colocamos em posições muito boas, faremos o nosso melhor e trabalharemos como um time. Vamos ter certeza de fazer absolutamente tudo para conseguir o melhor resultado", explicou Hamilton, campeão do Mundial de 2008.

A despedida do britânico da McLaren é apenas uma das atrações do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, marcado para as 14h deste domingo. A corrida em São Paulo também é a aposentadoria do alemão Michael Schumacher, heptacampeão mundial, e recebe a definição do campeão da temporada. O alemão Sebastian Vetel tem 13 pontos de vantagem sobre o espanhol Fernando Alonso e precisa apenas de um quarto lugar em Interlagos para conquistar o tricampeonato.

Veja as chances de cada piloto na briga pelo Mundial:

 
 

 

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade