Motor/Fórmula 1 - ( )

Projetista prevê dificuldades na estreia do Circuito das Américas

Austin (Estados Unidos)

Segundo a análise do próprio projetista da pista do Grande Prêmio das Américas, Hermann Tilke, os pilotos terão dificuldades no circuito de Austin, nos Estados Unidos, mas devem se adaptar ao traçado, depois de alguns erros.

“Eu acho que tem algumas partes realmente difíceis nesta pista e espero que seja uma das mais desafiadoras”, afirmou Tilke em entrevista ao site inglês Autosport. “Eu espero um primeiro treino com os pilotos cometendo muitos erros, mas eles são tão bons que vão aprender rapidamente, porque são os melhores do mundo”, acrescentou.

As escuderias também irão encarar um grande desafio ao planejar as estratégias e Tilke atenta para a administração dos compostos da Pirelli. “Vai ser difícil configurar o carro e manter os pneus funcionando completamente também. Isso pode significar mais problemas com os pneus, o que pode ser bom para a corrida”, projetou.

Tilke também é o responsável pelos circuitos de Yas Marina, em Abu Dhabi, Marina Bay, em Cingapura, e o da Coreia do Sul, pistas consideradas complicadas para ultrapassagens, o que gerou muitas críticas. Entretanto, o projetista se defende e rebate os críticos.

“Este ano tivemos um monte de ultrapassagens em Abu Dhabi e temos oportunidades de ultrapassagens aqui também” relembrou Tilke. Ele ainda aguarda uma avaliação positiva dos automobilistas. “Eu acho que está pista é muito boa, mas temos que ver o que os pilotos vão dizer sobre ela. Essa primeira declaração será importante e torço para que seja positiva”, comentou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade