Motor/Fórmula 1 - ( )

Raikkonen presenteia Lotus com camisetas com "Deixe me em paz”

Enstone (Inglaterra)

A pequena bronca dada pelo finlandês Kimi Raikkonen em seu engenheiro durante o Grande Prêmio de Abu Dhabi de Fórmula 1, no último domingo, virou piada dentro da equipe Lotus. O piloto europeu presenteou os cerca de 500 funcionários do time com camisetas com a frase “Deixe-me em paz, eu sei o que estou fazendo”, proferida por ele durante a corrida.

A reclamação de Raikkonen ocorreu quando ele liderava o GP de Abu Dhabi, prova que venceu, e recebia orientações pelo rádio de sua equipe. Após constantes avisos, o finlandês se irritou e pediu para não ser mais atrapalhado. A conversa entre as duas partes foi reproduzida na transmissão televisiva da corrida e gerou pequena polêmica na F-1.

“Só algumas de nossas mensagens são transmitidas na TV e acho que deu para perceber que eu estava concentrado, tentando manter o foco e vencer a corrida. Tudo o que eu precisava saber era a diferença para o cara atrás de mim”, disse o piloto, conhecido como o Homem de Gelo, minimizando o caso.

Dentro da Lotus, o assunto também é tratado com bom humor. Segundo o chefe da equipe, o francês Eric Boullier, a frase já se popularizou como piada em toda a Fórmula 1.

“Kimi com certeza mostrou que está de volta a sua melhor forma. Foi excelente para ele o time vê-lo de volta ao pódio. E ‘deixe-me em paz, eu sei o que estou fazendo’, já se tornou um clássico”, afirmou o dirigente.

AFP
O finlandês Kimi Raikkonen chegou a sorrir em cima do pódio ao lado do alemão Sebastian Vettel

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade