Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Ronaldo e Lucas visitam F-1 e são tietados por equipes

André Sender e Bruno Ceccon São Paulo (SP)

Dois craques do futebol brasileiro compareceram ao Autódromo de Interlagos para acompanhar os treinos para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, neste sábado. Lucas, atacante do São Paulo, e o ex-jogador Ronaldo visitaram o boxe de Bruno Senna na Williams e foram tietados não só por torcedores com acesso ao paddock, mas por mecânicos e funcionários de outras equipes.

Após conhecer o carro com que Bruno Senna correrá em Interlagos, Ronaldo e Lucas andaram pelo paddock. A aglomeração de jornalistas e fãs em volta dos brasileiros causou espanto no piloto indiano Narain Karthikeyan, da HRT. Com dificuldades de chegar ao escritório de seu time por causa do tumulto, parou e perguntou a uma torcedora o motivo da concentração de pessoas.

Após ser informado da presença do maior artilheiro da história das Copas do Mundo, soltou uma exclamação de espanto, acenou com a cabeça afirmativamente, conformou-se com o tumulto e abriu espaço entre as pessoas para seguir caminhando.

Mecânicos e funcionários de outras equipes da Fórmula 1, como a Caterham e a Toro Rosso, também se espremeram em busca de uma foto dos craques brasileiros.

Ronaldo e Lucas visitaram os boxes de Bruno Senna por conta de um patrocinador em comum e se espantaram com a quantidade de botões no volante do carro da Williams.

"Sempre acompanhei a Fórmula 1. Joguei por muitos anos na Europa e lá ia mais vezes às corridas, Aqui é o segundo ano seguido que venho e é bacana, já mudou bastante, principalmente o volante. Nem videogame tem tanto botão assim", disse Ronaldo, que ganhou um capacete de presente do piloto brasileiro.

Já Lucas, prestes a se transferir para o Paris Saint-Germain, admitiu não ter muita familiaridade com a categoria de elite do automobilismo mundial, mas aprovou a visita.

"Quem me vê jogando sabe que eu gosto de correr. Apesar de acompanhar pouco a F-1, gosto de assistir, ouvir o ronco dos motores. É bacana ver um evento como esse", afirmou o são-paulino.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade