Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Vettel fica satisfeito com quarto lugar no grid de Interlagos

André Sender e Bruno Ceccon São Paulo (SP)

O alemão Sebastian Vettel ficou longe da briga pela pole position do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, mas saiu satisfeito com a quarta colocação do grid obtida neste sábado. O piloto da Red Bull, favorito a conquistar o Mundial neste domingo, larga três postos à frente do espanhol Fernando Alonso, seu único rival na briga pelo título.

Vettel registrou 1min12s760 como melhor marca do treino classificatório em Interlagos, ficando atrás de seu companheiro de equipe Mark Webber, terceiro colocado. A primeira fila será ocupada pelos carros da McLaren. Em seu último fim de semana na equipe, Lewis Hamilton garantiu a pole position, seguido por seu companheiro Jenson Button.

"Ficamos em quarto, o que pode não ser a melhor posição possível, mas devemos ficar felizes porque largar nessa colocação não é um disastre. Há mais gente atrás do que na nossa frente", avaliou Vettel, que chega a São Paulo, última etapa do Mundial, com 13 pontos de vantagem sobre Alonso. "Estou feliz em quarto e há muitas oportunides para amanhã", completou.

AFP
Sebastian Vettel larga em quarto em São Paulo, mas se diz satisfeito com posição no grid

Os treinos livres em São Paulo foram dominados pelos pilotos da McLaren, mas Vettel esteve sempre entre os primeiros colocados, com ritmo próximo ao dos rivais. No Q2 do classificatório, ele foi o mais rápido e se credenciou a brigar pela pole. Na última fase da atividade, no entanto, ele cometeu um erro em sua primeira tentativa de volta rápida. Na segunda, não arriscou muito e acabou com a quarta colocação.

"Eu estava feliz com minha segunda volta, mas infelizmente não foi rápida o suficiente. Provavelmente estava um pouco tímido em alguns pontos e perdi um pouco de tempo. Mark teve uma volta boa e na frente estão as McLarens que foram rápidas todo o fim de semana. Então já era algo que esperávamos no classificatório".

A largada para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 será às 14h (de Brasília), deste domingo. A prova marca também a aposentadoria do alemão Michael Schumacher, heptacampeão mundial. Seu lugar na Mercedes será ocupado justamente por Hamilton, que disputa seu último GP como piloto da McLaren.

Veja as chances de cada piloto na briga pelo Mundial:

 
 

 

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade