Motor/Fórmula 1 - ( )

Vettel nega preocupação ao lado de Massa no grid: “Tenho retrovisor”

André Sender e Bruno Ceccon São Paulo (SP)

Um abandono de Sebastian Vettel no Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 é o melhor cenário possível na tentativa do espanhol Fernando Alonso de conquistar o Mundial, neste domingo. Mas largar ao lado do brasileiro Felipe Massa, companheiro do asturiano na Ferrari, não causa preocupação ao alemão da Red Bull, que não acredita que o local tente tirá-lo da prova.

Vettel inicia a corrida em Interlagos na quarta colocação, um posto à frente de Felipe Massa. O espanhol da Ferrari foi apenas o oitavo colocado do treino classificatório, neste sábado, mas acabou beneficiado pela punição ao venezuelano Pastor Maldonado e ficou com o sétimo posto do grid.

“Não estou preocupado. Temos espelhos retrovisores no carro e espero que não tenhamos que usá-los. Assim que as luzes se apagarem, vamos largar e começar a atacar os caras em nossa frente”, disse Vettel. “Entre todas as coisas que podem acontecer amanhã, com o fim de semana como foi até agora e com a previsão do tempo que temos, não estou olhando para a esquerda ou direita, para ser honesto”, completou.

Para garantir o tricampeonato do Mundial de Fórmula 1, o alemão da Red Bull, que tem 13 pontos de vantagem na liderança da tabela, precisa terminar apenas entre os quatro primeiros colocados, independentemente do resultado obtido pelo espanhol.

AFP
Vettel espera não precisar olhar no retrovisor para desviar do brasileiro Felipe Massa
Questionado sobre a chance de se chocar propositalmente com Vettel para beneficiar Alonso, o brasileiro Felipe Massa descartou a possibilidade: “Sempre fui um piloto honesto e continuarei sendo. Vou até o limite do regulamento”, disse o paulista, que deixou a Ferrari quebrar deliberadamente o lacre da caixa de câmbio de seu carro antes do GP dos Estados Unidos para que o espanhol melhorasse sua posição no grid.

Com o artifício utilizado pela escuderia italiana, o brasileiro foi punido com cinco posições na largada e caiu da sexta para a 11ª colocação. Alonso, que tinha o oitavo posto, pulou para sétimo, largando do lado limpo da pista.

O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 será realizado às 14h (de Brasília) deste domingo, no Autódromo de Interlagos. Além da disputa pelo título, a prova é palco das despedidas do alemão Michael Schumacher da categoria e do britânico Lewis Hamilton da equipe McLaren.

Veja as chances de cada piloto na briga pelo Mundial:

 
 

 

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade