Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Agressor de Cristiano Ronaldo enviou mensagem para se desculpar

Madrid (Espanha)

A cotovelada que cortou o supercílio de Cristiano Ronaldo e impediu a sua participação no próximo jogo da seleção portuguesa, nesta quarta-feira, contra o Gabão, ainda repercute na Espanha. Responsável pela agressão na última rodada do Nacional, o zagueiro David Navarro, do Levante, mandou uma mensagem por celular para se desculpar com o luso.

Segundo a imprensa local, o atleta teria enviado o texto assim que foi informado da gravidade do corte no rosto do adversário. “Depois de ter visto que fiz tanto mal queria pedir perdão”, escreveu Navarro, que acertou o português durante uma disputa de bola, na vitória merengue por 2 a 1, no último domingo, em Valência.

As imagens de Cristiano Ronaldo sangrando na beirada do campo correram o mundo e causaram apreensão na equipe médica do Real Madrid. O atleta já havia anotado um gol para os madrilenos e precisou ser substituído no intervalo depois de acusar tonturas, problemas de visão e fortes dores de cabeça.

Conforme o programa Punto Pelota apurou, a mensagem enviada por Navarro não teve retorno do português e acabou sem uma resposta. Como o atleta foi poupado do amistoso de sua seleção, a sua presença no próximo compromisso do Real Madrid, neste sábado, contra o Athletic Bilbao, está praticamente garantida. O clube está em terceiro lugar na tabela de classificação e soma 23 pontos até o momento.

AFP
Cristiano Ronaldo foi cortado do amistoso da seleção portuguesa após sofrer um profundo corte no supercílio

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade