Seleção Brasileira/Superclássico das Américas - ( - Atualizado )

Fã ‘mata’ aula e espera quatro horas no aeroporto para ver Neymar

Felippe Rodrigues, especial para a GE.net São Paulo (SP)

Quatro horas antes do desembarque da Seleção Brasileira no Terminal 1 do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, nesta quinta-feira,  quatro jovens aguardavam ansiosamente pela saída dos jogadores. Vanessa Simião dos Santos, de apenas 14 anos, era evidentemente a mais empolgada. Neymar, claro, era o nome mais esperado pela garota, que se assume fanática pelo jogador do Santos.

“O vi jogando e gostei. E agradeço por ter colocado ele na minha vida”, disse a garota, ansiosa, à reportagem da GE.net. “Quero tirar uma foto do lado dele, dar um abraço e um beijo”.

Acompanhada dos amigos Angélica, 15 anos, e Marcos, 16, e do irmão Caique, 16, Vanessa escapou da aula para ver o ídolo e chegou ao aeroporto sem nem saber o horário e o local do desembarque. “Tomara que meus pais não descubram. Ainda bem que minha mãe não sabe mexer no computador”, brincou a adolescente, que tinha um trabalho para entregar na escola. “Deixei com as minhas amigas”, justificou.

Foi a primeira experiência da garota em um chegada da Seleção. Dois dias antes, porém, ela marcou presença na ida do time verde-amarelo a Buenos Aires. “Entreguei um presente para o Neymar. Um coração de pelúcia escrito ‘te amo’ e uma cartinha”, contou Vanessa, que pretende, agora, dar as caras em todos os desembarques.

Na confusão da saída do camisa 11, a garota precisou se enfiar entre jornalistas para conseguir a foto, tirada pelo amigo Marcos. “Eu tenho uma foto com o Neymar”, comemorou aos berros no saguão do aeroporto, quase cinco horas depois de ter chegado ao aeroporto, sem nem saber o horário

Corintiana, apesar de o irmão ostentar um boné são-paulino, a garota também tinha como objetivo falar com Paulinho, Ralf e Fábio Santos, o que foi cumprido apenas em parte. Fábio Santos e Paulinho escaparam rapidamente, mas Ralf ficou para trás e tirou uma foto com Vanessa. Fred, do Fluminense, esperava um táxi e também posou ao lado da garota.

“No embarque para o Mundial (de Clubes), a gente vem”, prometeu Vanessa, intimando os amigos a darem um passeio por Cumbica mais uma vez.

Reprodução
Angélica (E), Marcos, Caique e Vanessa não foram a aula para ver Neymar e companhia na volta do Superclássico

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade