Futebol Internacional/Mercado - ( - Atualizado )

River Plate sonha em tirar D’Alessandro do Internacional

Buenos Aires (Argentina)

Com o fim da temporada brasileira se aproximando, o nome de Andrés D’Alessandro começa a ser ventilado no River Plate. Hoje no Internacional, mas revelado no clube argentino, o meia é desejado no Monumental de Nuñez.

“Se ele quiser, é muito fácil para nós contratá-lo”, disse o porta-voz do River, Daniel Mancussi, à rádio Cadena Uno, de Buenos Aires, segundo o diário argentino Olé.

A oportunidade para repatriar o atacante, hoje com 31 anos, deve surgir em janeiro, quando se reabre a janela internacional de transferências. O grande empecilho para concretizar a transação é o longo período de contrato que D’Alessandro ainda tem com o Inter.

Em janeiro de 2012, o vínculo foi renovado até o meio de 2015 e uma alta multa rescisória foi estipulada. Estima-se que ela possa ultrapassar os R$ 60 milhões, o que tornaria inviável a contratação neste momento.

D’Alessandro foi revelado pelo River Plate entre 1999 e 2000, despertando o interesse europeu. Após destacar-se na Copa Libertadores de América de 2003 – a da fatídica eliminação do Corinthians para o River – o canhoto foi vendido ao Wolfsburg, da Alemanha. Na sequência, passou por Portsmouth, Zaragoza e San Lorenzo, de volta à Argentina, antes de aterrissar no Internacional, em 2008. Na equipe gaúcha, D'Alessandro conquistou uma Libertadores e uma Copa Sul-americana.

Além de cria da base do Monumental de Nuñez, D’Alessandro é torcedor do River. Depois de famoso, um vídeo de quando tinha 15 anos foi descoberto e mostra D’Alessandro comemorando o título do River Plate na Libertadores de 1996, o segundo conquistado pelo clube.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade