Futebol/Mercado - ( )

Cortez repete 2011, cai de rendimento e faz Tricolor buscar lateral

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Bruno Cortez está terminando um ano muito parecido com o anterior. Depois de começar muito bem no Botafogo e chegar à Seleção Brasileira, o lateral esquerdo caiu bastante de rendimento e foi para o São Paulo, onde repetiu o roteiro de bom início seguido de decepção.

Preocupa a comissão técnica e a diretoria a dificuldade defensiva do jogador, que oferece muito espaço às suas costas. Os bons momentos no apoio ao ataque, mais raros agora do que nos primeiros meses da temporada, têm ficado longe de compensar os problemas na marcação.

"Só tenho que fazer o meu trabalho. Estou fazendo o meu melhor aqui", disse o lateral, que alimenta o sonho, bem distante no momento, de voltar à Seleção. "Na hora certa, vai aparecer outra oportunidade. É produzindo aqui no São Paulo que posso ser lembrado de novo."

O problema é que a passagem de Cortez pelo Tricolor pode estar chegando ao fim. Ele ao menos corre sério risco de passar a ser reserva em 2013, já que a direção do clube corre atrás de um atleta para resolver as dificuldades da posição.

Fabrício, do Internacional, é um dos atletas que interessam. André Santos, que tem sido criticado até pelos próprios companheiros no Arsenal, é outro nome comentado entre os dirigentes do São Paulo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade