Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Cristiano Ronaldo afirma: "Eu votaria em mim mesmo na Bola de Ouro"

Paris (França)

Jogadores, técnicos e jornalistas têm o direito de votar na eleição da Bola de Ouro, que premia o melhor jogador do ano. No entanto, no caso dos atletas, não é permitido votar em si mesmo, regra que gerou lamentações para o atacante Cristiano Ronaldo.

“Se eu pudesse, votaria em mim mesmo para ganhar a Bola de Ouro”, afirmou o português à France Football. “Humildade demais não é bom. Em Portugal, as pessoas são exageradamente humildes, mas por vaidade”, analisou o jogador do Real Madrid.

Cristiano Ronaldo também aproveitou para responder sobre as comparações entre ele e Messi, o seu maior rival na disputa pelo prêmio. “Ao nos colocar toda hora um contra o outro, o jornal tem a certeza de que venderá mais, assim como a televisão. Isto me cansa um pouco”, criticou.

Já sobre o seu futuro, CR7 assegurou que o dinheiro não será problema. "Eu jogo pela paixão ao futebol e pelo amor às camisas que visto. Se jogasse por dinheiro, com certeza estaria em outro clube. Todos os jogadores gostam que times como o PSG, o Manchester City ou o Chelsea mostrem interesse neles. É bom para o ego. Mas pela minha cabeça isto não passa", finalizou Ronaldo, lembrando-se dos clubes europeus que se tornaram bilionários recentemente.

AFP
C. Ronaldo criticou os muito humildes e afirmou que votaria em si mesmo, se pudesse, na Bola de Ouro
No próximo dia 7 de janeiro, Cristiano Ronaldo poderá saber se a sua humildade cativa os eleitores, já que será divulgado o prêmio da Bola de Ouro. Além dele, outros 22 candidatos competem, incluindo Messi, detentor das últimas duas edições, e Neymar.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade