Futebol/Copa do Mundo de 2014 - ( - Atualizado )

De trem, comitiva da Fifa visita Arena Corinthians e elogia obras

Bruno Oliveira, especial para a GE.NET São Paulo (SP)

Após Rio de Janeiro e Curitiba receberem inspeção da comitiva da Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa), chegou a vez de São Paulo ser vistoriada. Nesta quarta-feira, o secretário geral da entidade, Jérôme Valcke, fiscalizou obras de transporte e a Arena Corinthians, localizada na Zona Leste, ao lado do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (FPF), José Maria Marin, do presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, dos ex-jogadores Ronaldo e Bebeto, do Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, e do prefeito da cidade, Gilberto Kassab.

Os dirigentes chegaram ao estádio através de viagem de trem, percorrendo entre a Estação da Luz e Itaquera, em trajeto que durou 19 minutos. Na sequência, enquanto operários trabalhavam nas obras das arquibancadas, a comitiva se reuniu em local fechado e ajustou os últimos detalhes antes de subir ao subir ao gramado, onde os mandatários posaram para fotos e até mesmo realizaram cobranças de pênalti.

“Este estádio é um projeto espantoso, estará pronto e será entregue em dezembro de 2013. Como vimos com o Bebeto, com o Ministro e com todos os outros, os projetos de mobilidade urbana estão sendo realizados. Viemos para cá em apenas 19 minutos, com trens passando a cada dois minutos. É exatamente isso que precisamos para ter uma grande abertura e os outros jogos da Copa do Mundo. É um belo projeto que cumpre todos os requisitos da Fifa”, elogiou Valcke.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Antes de entrevista coletiva, dirigentes mostraram descontração dentro do campo da Arena Corinthians

Orçada em R$ 820 milhões, a construção da Arena Corinthians teve início em 30 de maio de 2011. Ao todo, 2.200 funcionários foram envolvidos na obra, que está 55% concluída. A previsão é de que o término do estádio ocorra em dezembro do próximo ano, mas devido ao ritmo adotado pelos operários, foi cogitado entregar a Arena em setembro de 2013.

A capacidade original do estádio é de 48 mil espectadores. Contudo, para sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, serão construídas arquibancadas móveis, que comportarão 20 mil torcedores. A previsão de custo da obra é de R$ 35 milhões.

"Falta uma única questão, mas já está sendo resolvida e nos deram o prazo de 30 de abril para encaminhar uma solução compartilhada entre prefeitura, governo do Estado e governo federal, que é a construção das instalações temporárias", explicou Kassab.

O primeiro jogo do Mundial em território brasileiro será realizado dia 12 de junho, às 17 horas (de Brasília). Além da abertura, São Paulo receberá outras três partidas da fase inicial, uma das oitavas de final e uma da semifinal.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade