Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Há seis anos, goleiro Renan quebrava recorde de Taffarel pelo Inter

Porto Alegre (RS)

Se o goleiro Renan já não pode mais comemorar o fato de ser titular do Internacional, neste domingo o camisa 12 terá motivos para relembrar um grande feito que obteve com a camisa colorada. No dia 11 de novembro de 2006, há seis anos, Renan completava oito jogos consecutivos sem sofrer gols (ou 771 minutos) e ultrapassava a marca do ídolo Taffarel, goleiro do Internacional na década de 80 e tetracampeão mundial com a Seleção Brasileira.

O recorde de Renan, formado nas categorias de base do clube, foi alcançado na vitória do Internacional sobre o Fortaleza pelo placar de 3 a 0, em jogo disputado no Beira-Rio. Aos 28 minutos do segundo tempo, os 26 mil torcedores presentes na casa do Inter ovacionaram o arqueiro, então com 21 anos de idade.

“A cada ano que passa, entendo melhor a dimensão daquilo, da dificuldade de se obter essa marca. Foi um dia muito especial, era meu segundo ano no elenco principal do Inter. Vou sempre guardar com carinho aquele momento da minha carreira”, confessou Renan.

Taffarel, antigo recordista, havia ficado 720 minutos sem ser vazado na meta colorada, feito que persistiu desde o ano de 1987. E superar o ídolo do Internacional, dezenove anos mais tarde, é motivo de muito orgulho para Renan.

“O Taffarel é uma referência na posição, um ídolo pessoal. Sempre imaginei jogar, ser goleiro e cumprir um caminho parecido. E, logo no início da minha trajetória no profissional, atingi um marco que era dele por muitos anos. Então, foi algo muito legal e que me possibilitou um contato mais próximo com ele. Não é comum em Brasileiros passar tantos jogos sem sofrer gols. Mas se outro goleiro vier e marcar seu nome, não há problema. Não me preocupo em relação ao tempo do recorde. Acho que o mais importante é ajudar o clube a conquistar títulos, e fico feliz de ter participado de alguns pelo Inter”, confessou.

Renan, natural de Viamão (RS), conquistou dez títulos com o Internacional, entre eles duas Copas Libertadores, duas Recopas, um Mundial de Clubes e quatro Campeonatos Gaúchos. Atualmente com 27 anos, o arqueiro de 1,86m está na sua segunda passagem pelo time gaúcho. Depois de ficar dois anos no futebol espanhol, no Valência e no Xerez, Renan retornou ao Internacional em 2010 e soma 122 jogos vestindo a camisa do Colorado.

Divulgação/Guilherme Araújo
Renan posa com camisa comemorativa dada pelo clube, na ocasião da quebra do recorde, em 2006

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade