Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Heleno e Apodi têm permanência pendente, mas devem jogar amistoso

Fortaleza (CE)

Logo depois de anunciar a rescisão de contrato com o meio-campista Leandro Chaves, 18º nome a deixar o clube após a frustrante campanha no Campeonato Brasileiro da Série B, a diretoria do Ceará confirmou que Heleno e Apodi, jogadores com contrato próximo do fim, serão analisados pelo técnico Ricardinho antes de terem definidos seus destinos. Nesta quarta-feira, porém, ambos devem participar de um amistoso programado para o encerramento da temporada.

Nesta quarta-feira, às 11h40 (de Brasília), os jogadores do Ceará devem fechar 2012 no estádio do Castelão, em São Luís-MA, em amistoso contra o Moto Club, que contou com apoio de uma empresa do Rio de Janeiro para receber a partida na intenção de quitar dívidas e começar 2013 em alta. Assim que receber a confirmação do depósito da empresa, o Vozão anuncia o retorno às atividades de alguns jogadores, especificamente para a viagem ao Maranhão.

Diante do Moto Club, o Ceará ainda não estará sob o comando de Ricardinho, que estuda o elenco à distância. Assim, o auxiliar Anderson Silva segue como treinador para a partida comemorativa, que ainda deve contar com a presença de alguns ídolos nacionais que não tiveram os nomes divulgados. Com Ricardinho, o elenco do Ceará se apresenta no dia 26 de dezembro para a disputa da Copa Nordeste e do Estadual, com elenco reformulado.

Em relação a Leandro Chaves, que chegou ao Vozão em setembro de 2011, ainda na disputa do Brasileirão da Série A, ele não teve a oportunidade de se firmar na equipe nordestina sob o comando do técnico PC Gusmão. Com apenas dois gols marcados em 32 jogos, o meia completa uma lista que já conta com nomes como Paulo Sérgio, Márcio Careca, Daniel Marques, Luizão, Juca, Misael e Itamar.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade