Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Lateral do Timão lamenta degola do rival e deixa festa para torcida

Porto Alegre (RS)

Maiores rivais no Estado, Palmeiras e Corinthians não se enfrentarão no Campeonato Brasileiro de 2013, por conta do rebaixamento alviverde à Série B. Durante a vitória do Timão sobre o Internacional, no Beira-Rio, os torcedores alvinegros que estavam no estádio gaúcho não esconderam sua satisfação com o segundo descenso do adversário nos últimos dez anos.

Alguns corintianos em Porto Alegre empunhavam a faixa “Chora, Porco”, provocando o Verdão, que embora tenha deixado o gramado de Volta Redonda (RJ) por volta das 19 horas (de Brasília), com o empate diante do Flamengo, foi rebaixado apenas perto das 21h30, quando o jogo da Portuguesa (o empate com o Grêmio), e o do Corinthians, se encerraram.

Quando questionado sobre a situação palmeirense, o lateral Fábio Santos lamentou a queda do rival. “A gente deixa a comemoração para o torcedor, é normal. É um dos maiores rivais, mas temos respeito por eles e pelos profissionais que estão lá. É uma pena uma equipe deste porte cair”, analisou após a partida.

Em sua primeira queda, o Palmeiras voltou no ano seguinte, com o título da Série B, tal como o Corinthians, rebaixado em 2007 e que voltou campeão, em 2008. Assim como nas duas ocasiões, o lateral, convocado por Mano Menezes para o Superclássico das Américas nesta quarta-feira, torce para que o time de Gilson Kleina não demore a subir.

“Tomara que eles se reestruturem e voltem no ano que vem para a Série A, que é o lugar de um time como este”, decretou o jogador, que pensa na disputa do Mundial de Clubes, no final do ano, enquanto o rival prepara-se para viver um novo calvário até o início da próxima temporada.

Apesar do rebaixamento, Corinthians e Palmeiras podem se encontrar na Libertadores de 2013, já que o primeiro é o atual vencedor da competição, e o segundo garantiu sua vaga no torneio com o título da Copa do Brasil, há quatro meses.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade