Futeobl/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Mobilizada por Sul-Americana, Ponte Preta recebe desmotivado Inter

Do correspondente Vicente Fonseca Campinas (SP)

A chance de participar da Copa Sul-Americana de 2013 anima a Ponte Preta. Neste domingo, o time de Campinas promete ir com tudo para cima do Internacional, no Moisés Lucarelli, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe paulista, que ocupa a 14ª colocação, com 43 pontos, recebe um rival que praticamente não tem o mais que disputar na competição.

Mesmo assim, o discurso em Campinas é de extremo respeito ao Inter. Nenhum jogador da Ponte admite facilidades no jogo deste domingo, às 19h30 (horário de Brasília). “Esperamos força total deles. O Inter tem um grupo forte e não podemos achar que vão jogar mal porque perderam na última rodada. Precisamos da vitória e não podemos bobear, pois é um grande time”, adverte o lateral esquerdo João Paulo.

Apesar da má colocação, a Ponte Preta praticamente não corre riscos de cair para a Série B. Está sete pontos à frente do Sport, o primeiro integrante da zona de rebaixamento, e nunca integrou o grupo dos quatro últimos. Na última rodada, a equipe teve boa atuação, mas perdeu para o Grêmio no último minuto, em Porto Alegre. O que, segundo o próprio João Paulo, já foi esquecido pelos jogadores: “acho que tivemos mais uma experiência negativa no jogo passado por ter tomado um gol aos 45 minutos, porém esse sentimento já passou e agora estamos focados em vencer o Internacional”.

O lateral direito Cicinho, que não pôde atuar no Olímpico, é uma volta confirmada ao time titular neste domingo. Durante a semana, o ala pediu o apoio dos torcedores na partida contra o Colorado. A direção também fez a sua parte: quem for ao jogo com camisa da Ponte Preta pagará apenas R$ 10 pelo ingresso de arquibancada. Outro que retorna ao time é o goleiro Edson Bastos.

Arte GE.Net
O Internacional viveu uma semana agitada fora de campo. Nesta quinta, o Conselho Deliberativo reelegeu o atual presidente Giovanni Luigi para mais um mandato de dois anos à frente do clube. Já no STJD, o Colorado viu seus três pontos da vitória por 2 a 1 sobre o Palmeiras serem confirmados por unanimidade. O que pouco faz diferença na situação da equipe no Brasileiro.

Com 51 pontos, o Colorado é 6º colocado, mas está há oito pontos do G-4. No último domingo, após a derrota por 3 a 0 para o Náutico, os próprios jogadores já admitiam que as chances de disputar a Libertadores do ano que vem são mínimas. “Levamos dois gols de falta no primeiro tempo. A gente começou melhor, mas esses dois gols complicaram. Temos que esquecer esse jogo e terminar o campeonato com dignidade”, resumiu o volante Ygor.

Como já é hábito neste Brasileiro, o Inter vai cheio de desfalques a Campinas. Na zaga os problemas são tantos que Bolívar, que treinava em separado do restante do elenco e não entra em campo há mais de dois meses, será alçado à condição de titular. Rodrigo Moledo e Índio estão suspensos, e Jackson está lesionado. Juan será seu companheiro no miolo de defesa.

No meio, Guiñazu, suspenso, está fora. Mesmo assim, Bolatti não deve receber chance de começar a partida: Josimar formará a dupla de volantes com Ygor. Na lateral direita, Nei sai por opção de técnica de Fernandão, que colocará em campo Edson Ratinho. Ao menos, D’Alessandro, Fred e Forlán, que cumpriram suspensão em Recife, estão de volta.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X INTERNACIONAL

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 11 de novembro de 2012, domingo
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (Fifa-RJ) e Paulo César Silva Faria (MT)

PONTE PRETA: Edson Bastos; Cicinho, Cléber, Ferron e João Paulo; Baraka, Wendel Santos, Renê Júnior e Nikão; Luan e Roger.
Técnico: Guto Ferreira

INTERNACIONAL: Muriel; Edson Ratinho, Bolívar, Juan e Kleber; Ygor, Josimar, Fred e D’Alessandro; Forlán e Leandro Damião.
Técnico: Fernandão

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade