Futebol/Sul-americana - ( )

Por 2013 mais tranquilo, Ney Franco quer turbinar currículo

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Ney Franco já fez o suficiente para convencer a diretoria e a torcida de seu trabalho. Ainda assim, o treinador vê na Copa Sul-americana uma oportunidade de começar a próxima temporada em outro patamar, dando o primeiro título ao São Paulo em quatro anos.

“Ser campeão representa muito, fica gravado. É mais uma competição que fica na galeria de títulos. Para o profissional, colocar títulos no currículo é importante. Se a gente tem a possibilidade de brigar pelo título, não pode abrir mão dela”, comentou o técnico.

“Quando eu cheguei, uma das cobranças era que o Santos, o Corinthians e o Palmeiras já tinham levado um título neste ano, só o São Paulo não tinha. Um título começa a dar tranquilidade, asfaltar seu caminho para a próxima temporada”, acrescentou.

Para Ney Franco, vencer a Sul-americana deixará o Tricolor muito mais confiante para a disputa da Taça Libertadores. E ele não nega que a luta por seu primeiro troféu no clube do Morumbi seja também motivada pela ambição pessoal.

“Independentemente do jejum do São Paulo, para mim, vai contar muito. Tenho três regionais [estaduais], uma Copa do Brasil e uma Série B, além do Mundial e do Sul-americano sub-20. Como falei, um profissional se faz com títulos, e eu quero colocar mais um no currículo.”

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade