Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Sem ambições, Santos desperdiçou 20 pontos contra times ameaçados

Santos (SP)

A três rodadas do encerramento do Campeonato Brasileiro, o Santos soma 46 pontos, ocupa a nona colocação e não tem qualquer ambição para a reta final do torneio. Após a derrota diante do Atlético-GO, neste sábado, no estádio do Bezerrão, o time do técnico Muricy Ramalho deixou evidente sua dificuldade para superar adversários mal posicionados na tabela de classificação.

Contra os seis clubes que ocupam as últimas posições do Brasileirão e disputam ponto a ponto para evitar o rebaixamento, o Peixe travou dez confrontos até o momento, tendo vencido apenas dois, além de quatro empates e quatro derrotas. Caso tivesse obtido melhores resultados, o time poderia ao menos brigar por vaga na próxima edição da Copa Libertadores.

Além da derrota contra o já rebaixado Atlético-GO, gols marcados por Diogo Campos em falha de Rafael e Márcio, em cobrança de pênalti cometido pelo camisa 1, o Santos soma um empate, no Pacaembu, diante do Dragão. Contra Portuguesa e Bahia, primeiros times fora da zona de degola, foram placares iguais: empate por 0 x 0 fora de casa e derrotas 3 x 1, no Pacaembu e na Vila Belmiro.

Ivan Storti/Santos FC
Muricy Ramalho tem sido contestado por parte da torcida do Santos em função do Brasileirão sem ambições
Ainda derrotado pelo Sport na Ilha do Retiro, o time do técnico Muricy Ramalho venceu os outros dois integrantes da zona de rebaixamento: o Figueirense por 3 a 1, no Orlando Scarpelli, e o Palmeiras por 2 a 1, no Pacaembu. Na reta final do Brasileirão, o Santos ainda encara estes dois adversários, além do Corinthians.

Em preparação para enfrentar o Figueirense no próximo sábado, às 19h30 (de Brasília), pela antepenúltima rodada do Brasileirão, o Santos foca no planejamento para a temporada 2013 e já contratou o zagueiro Neto, do Guarani, a pedido de Muricy Ramalho.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade