Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Vaga antecipada do Tricolor daria chance a garotos em dois jogos

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Se confirmar a vaga para a Copa Libertadores neste domingo, diante do Náutico, o São Paulo deverá dar chance a jogadores reservas, incluindo atualmente Paulo Henrique Ganso e Cañete, nas duas rodadas finais do Campeonato Brasileiro.

Como o time está distante da briga pela vice-liderança, que daria vaga direto ao torneio continental, não faria diferença, na visão da comissão técnica, terminar em terceiro ou quarto lugar, uma vez que, em qualquer uma dessas colocações, a classificação seria para a primeira fase da Libertadores, anterior a grupos.

"Seria uma oportunidade de recuperar alguns jogadores e dar oportunidade a outros, como alguns da base", admitiu o técnico Ney Franco, sem contar de antemão com isso. "Primeiro temos que ter competência para ganhar do Náutico. Será um jogo de importância enorme para planejar nossa sequência na competição".

Wander Roberto/Vipcomm
Lateral direito de destaque na Copa São Paulo, Lucas Farias não tem jogado no profissional
Deixar o Brasileiro de lado com uma eventual garantia antecipada tem explicação. O São Paulo disputa paralelamente o título da Copa Sul-americana e passaria a concentrar forças somente nesta competição, na qual se encontra na semifinal – o primeiro jogo desta fase, contra a Universidad Católica, será no dia 22, em Santiago.

"Os dois últimos jogos serviriam como apoio à nossa preparação para a Sul-americana, que passaríamos a priorizar", explicou o treinador, satisfeito com seu trabalho até aqui.

"Cheguei ao clube com muita autoconfiança, sabendo que poderia alcançar o objetivo de classificar o time à Libertadores. Nunca tive dúvida do meu potencial, embora a vaga não esteja confirmada. Se a gente confirmar, vai ser a confirmação também do pensamento que eu tinha em relação ao trabalho. Estamos próximos disso", elogiou-se Ney Franco, ex-comandante da Seleção Brasileira sub-20.

O duelo contra o Náutico, que terá a estreia de Paulo Henrique Ganso no segundo tempo, está marcado para 17 horas (de Brasília), no Morumbi. A diferença entre São Paulo e Botafogo na classificação neste momento é de cinco pontos (59 contra 54).

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade