Futsal/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Na volta de Falcão, Brasil goleia Panamá por 16 a 0 e vai às quartas

Nakhon Ratchasima (Tailândia)

Sem a menor dificuldade, o Brasil goleou o Panamá por 16 a 0 nesta segunda-feira e se classificou para as quartas de final da Copa do Mundo de futsal. A Seleção, que manteve os 100% de aproveitamento na competição, espera agora o vencedor de Argentina e Sérvia, partida que será disputada às 12 horas (de Brasília) desta segunda. O confronto das quartas de final está marcado para a próxima quarta-feira.

O jogo desta segunda também marcou a volta de Falcão à Seleção Brasileira. O ala, que sofreu uma lesão nos três primeiros minutos da competição, tinha seu retorno à equipe esperado apenas na semifinal do torneio. Mesmo sem o ritmo de jogo com o qual está acostumado, o atleta do Intelli/Orlândia marcou um gol e provovou a expulsão de dois adversários.

O jogo - O primeiro gol saiu com quatro minutos de partida, marcado por Fernandinho após passe de Simi. A partir daí, o Brasil, que já dominava a partida, encontrou pouca resistência. Fazendo bastante uso de jogadas com pivô e de tabelas rápidas, o Brasil ampliou sem nenhuma dificuldade com Jé (duas vezes), Ari (duas vezes), Rodrigo, Simi, Neto e Fernadinho, fechando os 20 minutos iniciais com oito gols de diferença sobre o Panamá.

Divulgação/Fifa
Jogadores do Brasil comemoram gol na goleada sobre o Panamá, Seleção pega Argentina ou Sérvia nas quartas de final
No segundo tempo, a Seleção se negou a diminuir o ritmo, marcando mais sete gols com Vinícius, Rodrigo, Rafel Rato (duas vezes), Fernadinho, Ari e Jé. A principal novidade, porém, ficou por conta da volta de Falcão às quadras. Ainda sem muito ritmo de jogo, o ala tentou algumas jogadas de efeito. Até que, faltando três minutos para o fim da partida, o camisa 12 recebeu boa bola da direita e chutou de primeira, sem chances para o goleiro adversário. As jogadas de efeito do atleta - eleito três vezes o melhor do mundo - também irritaram dois atletas panamenhos. Após agressões direcionadas ao ala, Fernando Meira e Carlos Perez foram expulsos.

Além de Falcão, a comissão técnica optou por colocar em quadra jogadores que vinham sendo pouco usados nas primeiras etapas do torneio, como Wilde e Guitta.

Itália vence com gols de brasileiros – A vitória italiana por 5 a 1 sobre o Egito, mais cedo, teve grande participação brasileira. Quatro dos cinco gols da Azzurra foram marcados por brasileiros naturalizados: Saad Assis balançou a rede três vezes, enquanto Jairo Santos deixou o seu. Na próxima quarta-feira, a equipe enfrenta Portugal nas quartas de final da competição.

A Rússia, após vencer a República Tcheca por 3 a 0, também passou para a próxima etapa, quando encara a Espanha.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade