Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Werley confia no trabalho defensivo do time para levar classificação

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

Dono da segunda melhor defesa do Campeonato Brasileiro, o Grêmio não precisa nem marcar gols para sair de Bogotá, onde enfrenta o Millonarios, nesta quinta-feira, com a vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana. Basta à equipe gaúcha não sofrê-los, após ter vencido o jogo de ida, em Porto Alegre, por 1 a 0.

Um dos principais responsáveis pela segurança defensiva do time é o zagueiro Werley, que tem presença confirmada na partida desta quinta, ao lado de Gilberto Silva. Ele demonstra confiança em segurar a vantagem na Colômbia, embora o Grêmio descarte entrar em campo pensando no empate.

“Nossa defesa vem fazendo um trabalho muito consistente. Acho que a boa campanha no Brasileirão é resultado do desempenho de todos, desde o goleiro, passando pelo miolo da zaga, contando com os laterais e os volantes. Até os meias e os atacantes ajudam. Vamos precisar do coletivo nesse jogo contra o Millonarios, porque eles devem pressionar desde o início”, entende.

Nesta Sul-Americana, Werley fez o gol que deu a vitória ao Grêmio sobre o Barcelona, em Guaiaquil, nas oitavas de final. A partida no Equador exigiu bastante da defesa gremista, que sustentou o 1 a 0 até o fim, apesar da pressão do time da casa.

“Foi uma noite de superação, em que fomos pressionados, mas soubemos administrar a situação complicada que vivíamos. Sofremos com as tentativas do Barcelona, saímos na frente e seguramos o resultado com um a menos. Aquela partida serve de exemplo em termos de bravura, de como devemos nos comportar para voltar a Porto Alegre com o objetivo atingido”, lembra Werley.

O Grêmio está invicto há 15 jogos. Desde o dia 8 de setembro, quando levou 3 a 1 do Corinthians, pelo Brasileiro, o time de Vanderlei Luxemburgo não sabe o que é uma derrota. Foram oito vitórias e sete empates no período. A equipe levou apenas dez gols nestas partidas, e somente no empate em 2 a 2 com o Fluminense foi vazada mais de uma vez em um mesmo jogo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade