Handebol/Liga Nacional Masculina - ( - Atualizado )

Pinheiro bate Metodista em São Bernardo e abre vantagem na final

São Bernardo do Campo (SP)

Mesmo jogando ginásio do Baetão, em São Bernardo do Campo, o Pinheiros conseguiu um bom resultado nesta quinta-feira, na primeira partida da final da Liga Nacional. Com uma vitória por 27 a 24, a equipe da capital paulista se vê mais próxima de conquistar o título brasileiro pelo quarto ano seguido.

O jogo foi parelho, principalmente no primeiro tempo, que terminou com diferença de apenas um gol no placar a favor do Pinheiros: 14 a 13. Na segunda etapa, a Metodista viu os visitantes abrirem a partir do 20º minuto, quando a diferença chegou a três gols e se manteve até o final.

Para Sergio Hortelan, técnico do Pinheiros, a final está longe de ser decidida, apesar da vitória de sua equipe. "A partida de hoje foi muito boa, apesar de poucos gols. Para mim, o destaque da nossa equipe foi a defesa. Ganhar é importante, ainda mais fora de casa, mas essa vantagem não assegura nada”, comentou.

José Ronaldo do Nascimento, o SB, treinador da Metodista, vê o jogo de uma outra maneira. "Principalmente no segundo tempo, o lado ofensivo deles funcionou muito bem e nós tivemos muitos erros de defesa", analisou o ex-jogador da Metô, que também vê pontos positivos. O Chiuffa, por exemplo, finalizou muito bem e fez uma diferença".

A partida decisiva da Liga Nacional será realizada neste domingo, no ginásio do Pinheiros, às 20 horas (de Brasília). A equipe da casa joga com a vantagem de ter a melhor campanha na primeira fase, o que permite até uma derrota por três gols de diferença para comemorar o título.

No Campeonato Paulista, as duas equipes também decidiram a competição, com vitória fácil para a Metodista, por 32 a 23.

Cinara Piccolo/Photo&Grafia
Os goleiros Bombom (E) e Marcão foram bem e contribuíram para a vitória do Pinheiros sobre a rival Metodista

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade