Bastidores - ( - Atualizado )

Trabalhador morre após explosão de gerador no Ministério do Esporte

Brasília (DF)

Nesta quinta-feira um funcionário da Companhia Energética de Brasília (CEB) faleceu depois da explosão de um gerador localizado na subestação de energia do prédio do Ministério do Esporte. Wilson de Pádua Pires, de 51 anos de idade, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas acabou falecendo no hospital, depois de ter duas paradas cardiorrespiratórias, traumatismo craniano e queimaduras.

José Pereira dos Santos, de 58 anos, que também é eletricista da CEB, acabou sofrendo ferimentos no acidente, com escoriações e queimaduras, mas não corre risco de morrer.

De acordo com os Bombeiros do Distrito Federal, a explosão de um dos seis geradores do Ministério ocorreu por volta das 15h e acabou provocando um incêndio. Neste momento, os funcionários da Companhia Energética de Brasília faziam a manutenção dos equipamentos responsáveis pelo abastecimento de toda a Esplanada dos Ministérios. Agora, o prédio encontra-se interditado para que a Polícia Civil e a CEB possam averiguar os detalhes.

Em nota oficial, o ministro do Esporte, Aldo rebelo lamentou a morte do funcionário da CEB.

Confira o comunicado na íntegra:

"Lamento profundamente o falecimento do funcionário da Companhia Energética de Brasília (CEB) Wilson de Pádua Pires, vítima de explosão em equipamento da subestação de energia no subsolo do prédio do Ministério do Esporte, na tarde desta quinta-feira (15.11).

Manifesto aqui meu pesar e envio meus sentimentos aos familiares de Wilson. Ao mesmo tempo, estimo pronta recuperação ao também servidor da CEB José Pereira dos Santos, ferido no acidente.

O Ministério do Esporte se coloca à disposição para ajudar no que for preciso e aguarda o resultado da perícia que apontará as causas da explosão."

Aldo Rebelo
Ministro do Esporte

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade