Motor/Nascar Truck Series - ( - Atualizado )

Nelsinho Piquet é eleito piloto mais popular da Truck Series

Miami (Estados Unidos)

O brasileiro Nelsinho Piquet foi eleito o piloto mais popular da Truck Series, terceira divisão da Nascar. A votação foi feita pela internet, no site oficial da categoria, e teve seu resultado anunciado na madrugada desta terça-feira, durante a cerimônia de premiação anual realizada pelo campeonato.

“Quando começaram a falar sobre apelo internacional e destacar a participação de gente de todo mundo, realmente fiquei com um frio na barriga. O prêmio é mais um sinal de que estou no caminho certo na Nascar”, disse Nelsinho, que encerrou a temporada na sétima colocação.

Segundo o piloto brasileiro, que ainda não decidiu se segue na Truck Series ou passa a correr na Nationwide em 2013, o prêmio pode ser importante também na obtenção de patrocínios para a próxima temporada.

“Quem não quer associar sua marca com um piloto querido do público? Ano passado chegamos bem perto e é fantástico ter conseguido agora", avaliou.

Na premiação anual da Nascar, Nelsinho recebeu ainda dois outros troféus. O de piloto com maior número de pole positions durante a temporada, quatro, e o de competidor que mais posições avançou entre uma prova e outra na Nascar.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Nelsinho Piquet recebeu três prêmios na noite de encerramento da temporada da Nascar

"É um prêmio irônico de certa maneira, porque reflete alguma inconsistência ao longo do ano. Deixar de terminar uma corrida e fazer top-5 na prova seguinte mostra um poder de reação que é interessante. Mas obviamente eu preferia dois top-10 seguidos. No fim das contas, algumas corridas que deixamos de terminar fizeram falta na luta pelo título do campeonato", analisou.

Na temporada 2012, Nelsinho Piquet se tornou o primeiro piloto brasileiro a largar na pole position de uma etapa da Nascar, na prova de Elkhart Lake da Nationwide. De quebra, ainda dominou a corrida e venceu, feito também inédito para um piloto do País. Na Truck Series, ele conquistou quatro poles e venceu duas corridas.

O brasileiro é o primeiro estrangeiro da história da Nascar a encerrar uma temporada com o prêmio pelo maior número de poles.

"Foi meu segundo ano completo na Nascar e conseguimos terminar muito forte, com nove top-5 em 22 provas. O sétimo lugar no geral não reflete o belo trabalho que tivemos na segunda metade do ano. E isso só me deixa mais motivado a voltar no ano que vem e brigar novamente por vitórias", concluiu o brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade