Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Após derrota, loja oficial do Palmeiras é pichada e pega fogo

São Paulo (SP)

O clima de tensão envolvendo o Palmeiras nesta reta final de Campeonato Brasileiro parece não ter fim. Na madrugada desta segunda-feira, apenas algumas horas depois da derrota por 3 a 2 para o Fluminense, a loja oficial do Verdão, na sede do clube, foi pichada e pegou fogo.

Os bombeiros controlaram as chamas por volta das 4 horas (de Brasília), e não houve nenhum ferido. Além do incêndio, o estabelecimento foi alvo de protestos com frases como “Acabou a paz”. O caso está sendo investigado pelo 91º Distrito Policial, da zona oeste de São Paulo. Até o momento, ninguém foi preso. 

O Palmeiras é o 18° colocado do Campeonato Brasileiro, com 33 pontos, sete a menos do que o Bahia, primeira equipe fora da zona de rebaixamento. A situação delicada da equipe na competição levou torcedores a ameaçarem alguns jogadores e o presidente Arnaldo Tirone. Aliás, o dirigente já chegou a afirmar que se morresse, “seria pelo Palmeiras”.

Leia mais: Protesto isolado destoa de apoio ao Palmeiras na saída de Prudente

Leia mais: Tirone desabafa após ameaças: "Se morrer, será pelo Palmeiras"

Elenco e comissão técnica desembarcaram nas primeiras horas desta segunda-feira em São Paulo. Ao deixar Presidente Prudente, palco do confronto com o Flu, na noite deste domingo, a equipe foi cobrada por um único torcedor, que ofendeu especialmente o atacante Luan.

Gazeta Press
Loja oficial do Palmeiras depredada nas primeiras horas da manhã (Foto: Mario Angelo/Sigma Press/Gazeta Press)

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade