Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Tirone admite dispensas, anuncia Ayrton e diz: “Barcos não sai”

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O presidente Arnaldo Tirone confirmou nesta terça-feira a reformulação no elenco do Palmeiras. Depois do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, a diretoria decidiu que vários jogadores serão liberados, mas o mandatário avisou que já tem o lateral direito Ayrton contratado e também não teme perder o principal destaque da temporada, o argentino Hernán Barcos.

“O Barcos é um jogador que não gosta de perder e sentiu um abatimento muito grande, mas vamos conversar com ele e explicar tudo. Temos de cumprir nossa parte do contrato e ele também vai honrar, não vai sair do Palmeiras”, afirmou o mandatário.

Desde que o time entrou na fase complicada no Nacional, o argentino demonstrou incerteza sobre seu futuro no clube, mesmo com contrato até 2015, pois está com medo de perder espaço na seleção de seu País se não estiver no campeonato de elite no Brasil. No entanto, Tirone pretende usar o exemplo do pentacampeão Marcos para mostrar ao Pirata que é possível continuar em evidência para ser convocado.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Arnaldo Tirone acha natural promover a saída de alguns jogadores depois do rebaixamento
“O Barcos é um cara puro, argentino, mas ele estava no Equador e não conhece o Palmeiras. O Marcos também disputou a segunda divisão e foi para a Seleção Brasileira. Talvez o Barcos não saiba disso. Estão frisando que a Série B é um bicho papão e sei que é um campeonato inferior à Série A, mas ele não vai perder seu valor. O técnico da seleção argentina já o conhece”, acrescentou.

Além de falar com certeza da manutenção do Pirata, Tirone também anunciou o primeiro reforço para a próxima temporada. “Realmente nós contratamos o lateral Ayrton, do Coritiba”, confirmou. O atleta foi quem marcou o gol do Coxa, em cobrança de falta, no empate com o Verdão na segunda partida da final da Copa do Brasil, no Couto Pereira.

O lateral direito chegará para suprir uma vaga que deverá ficar aberta na próxima temporada, já que Artur não conseguiu agradar no Palmeiras e tem grande chance de voltar ao São Caetano, pois está emprestado apenas até dezembro. Outros jogadores em fim de contrato também serão liberados, como Daniel Carvalho, Román e João Vitor, mas Tirone ainda não confirma oficialmente os nomes.

“É normal acontecerem mudanças, porque está acabando o ano e temos jogadores com contratos sendo extintos, alguns porque vieram por empréstimo. Claro que vai haver dispensa”, acrescentou. O dirigente, que também não sabe se continuará no clube na próxima temporada, explica qual é o perfil que espera do novo elenco.

“Queremos jogadores comprometidos, como o Marcos Assunção, que foi um dos grandes artistas da conquista da Copa do Brasil, assim como Barcos, Henrique, Maurício Ramos, Bruno... O Valvidia também foi importante. Quem não estiver comprometido e o Palmeiras achar que não é o ideal para o ano que vem vai ser dispensado”, completou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade