Futebol/Mercado - ( )

“Sou São Tomé”, diz Muricy sobre proximidade de acerto com Montillo

São Paulo (SP)

O técnico santista Muricy Ramalho recorreu aos ensinamentos de São Tomé, o apóstolo mais incrédulo de Jesus Cristo, para garantir que a proximidade do acerto com o meio-campista Montillo, do Cruzeiro, ainda não o seduz. “Só acredito vendo”, disse o treinador após o empate por 1 a 1 contra o Corinthians, neste sábado, no estádio do Pacaembu.

Um grupo de investidores de Minas Gerais estaria disposto a comprar uma importante parcela dos 60% dos direitos federativos de que o Cruzeiro dispõe atualmente. Como já detêm os outros 40%, os investidores bancariam a maior parte dos direitos e, dessa forma, poderiam transferir o argentino para o time do Santos, com a visibilidade de jogar ao lado de Neymar.

Mesmo reconhecendo que a possibilidade de acerto existe e é grande, Muricy Ramalho garante já estar cansado de novelas envolvendo contratações de reforços, como a que fez Diego Souza acertar com o próprio Cruzeiro e não com o Santos. Na esperança de que o Peixe anuncie o novo camisa 10 para o lugar de Paulo Henrique Ganso durante a semana, o santista aguarda com paciência.

“Eu sou São Tomé, meu filho, sabe? Aquela coisa do ‘só acredito vendo’. Você me contou uma história muito legal (da chance de o grupo comprar os direitos de Montillo), mas só fica aí. Estou cansado de história. Na hora em que ele assinar o contrato parabéns, mas até lá fica a dúvida. E eu estou um pouco cansado disso”, reclamou Muricy Ramalho, criticando a lentidão do Santos em trazer reforços.

Além de Montillo, o Santos segue interessado em repatriar Robinho, reserva do Milan, e de olho em outros reforços, principalmente do meio para frente. O único jogador anunciado para a temporada 2013 foi o zagueiro Neto, ex-jogador do Guarani.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade