Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Após ‘passeio’ no 1º turno, Tricolor “mudou tudo” para pegar o Timbu

Gabriel Carneiro, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

Após duas derrotas consecutivas, o São Paulo visitou o Náutico nos Aflitos, no último dia 15 de agosto, e voltou para casa com uma derrota por 3 a 0 e ainda mais dor de cabeça. Três meses depois, completamente remodelada, a equipe apagou de forma definitiva o resultado negativo marcado pelo gol contra do goleiro Rogério Ceni, aos 16 do segundo tempo.

“Mudou tudo, cara, é só ver”, resume o volante Wellington, que participava da fase final do tratamento de sua lesão no joelho esquerdo quando o Tricolor visitou o Timbu e levou um ‘passeio’ do time de Kieza e Araújo. A chance de vingança será neste domingo, às 17 horas (de Brasília), no Morumbi, com direito à estreia do recém-contratado Paulo Henrique Ganso, que será opção de Ney Franco no banco de reservas.

“Cada treinamento, cada jogo é uma nova história e isso muda a situação do clube. Agora estamos jogando em casa, com nossa torcida em peso, a volta de um grande jogador que veio para nossa equipe, então estamos focados e querendo os três pontos que são muito importantes dentro do Morumbi”, completa o camisa 5, que será titular ao lado de Denílson na proteção da zaga.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Em breve orquestrado por Ganso, que deve estrear contra o Timbu, o São Paulo do 2º turno é bem diferente
Se Wellington não esteve presente, Denílson foi titular de Ney Franco na primeira partida contra o Timbu. Na ocasião, o treinador ainda testava o esquema 3-5-2, com João Filipe, Rafael Toloi e Rhodolfo na zaga, Douglas, Denílson, Maicon, Jadson e Cortez na linha intermediária e dupla de ataque formada por Cícero e Ademilson em função dos desfalques de Lucas e Luis Fabiano. Também afastado do confronto, Paulo Miranda concorda: “É outro momento, estamos firmes e com o time muito mais ajustado”.

Desde então, Ney Franco assumiu o 4-4-2 e consolidou seu trabalho levando o São Paulo do oitavo ao quarto lugar, posição que dá vaga na próxima edição da Copa Libertadores, além da possibilidade de disputar as semifinais da Sul-americana. Antes disso, contra o Timbu, o time terá a seguinte escalação: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rhodolfo, Rafael Toloi e Cortez; Wellington, Denílson e Jadson; Lucas, Osvaldo e Luis Fabiano.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade