Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Não surpreso por queda gremista, técnico são-paulino elogia Católica

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Classificado desde a semana passada, o São Paulo só conheceu nesta quinta-feira seu adversário na Copa Sul-americana. Como o Grêmio foi eliminado pelo Millionarios, da Colômbia, e não há dois times do mesmo país na semifinal, o oponente será mesmo a chilena Universidad Católica.

Questionado nesta sexta sobre a derrota do Grêmio por 3 a 1 na partida de volta, levando o gol decisivo nos acréscimos, Ney Franco negou que tivesse ficado surpreso com a queda precoce do time gaúcho. O treinador são-paulino fez elogios aos colombianos, que, na fase anterior, derrubaram o Palmeiras.

"Não achei surpresa, até pela forma como o Millionarios jogou o primeiro jogo, em Porto Alegre. Perdeu por 1 a 0, mas jogou muito bem. Enfrentá-los na Colômbia é muito difícil. Eles fazem valer o mando de campo, e isso, em mata-mata, é muito importante. Eles tiveram competência para fazer três gols depois", analisou.

Luiz Pires/VIPCOMM
Treinador comanda trabalho do elenco tricolor na manhã desta sexta-feira, no CT da Barra Funda
Depois de ter eliminado a Universidad de Chile nas quartas de final, o São Paulo terá pela frente na semifinal outro clube de Santiago, a Universidad Católica. A primeira partida será no dia 22, quinta-feira que vem, fora de casa.

"Neste momento, não dá para ficar escolhendo adversário ou achando que deveria jogar com A ou B. Temos que enfrentar qualquer um, seja a final em casa ou fora de casa. Já deu para ver que teremos um confronto difícil contra a Católica”, comentou Ney Franco, ao discordar de que, por estar na nona posição do Campeonato Chileno, o rival seja inferior à La U, líder da competição.

"Conta mais a equipe estar em uma semifinal. Estamos cheios de exemplos de equipes que disputam competições paralelas, vão mal em uma e são campeãs em outra. Em mata-mata, não pode ter erro. Temos que jogar dessa mesma forma contra a Católica”, advertiu o comandante, antes preocupado com o Brasileiro.

Neste domingo, o São Paulo tem compromisso importante pelo campeonato nacional, diante do Náutico, no Morumbi. Dependendo do resultado do quinto colocado Botafogo frente ao Sport, na Ilha do Retiro, o time paulista pode antecipar classificação para a Copa Libertadores.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade