Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Hugo é punido pelo STJD, mas não desfalca o Sport diante do Figueira

Rio de Janeiro (RJ)

Na noite desta segunda-feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) anunciou as suspensões do meia Williams e o volante Renan Teixeira, do Sport, que foram punidos com duas partidas e serão desfalques para o técnico Sérgio Guedes somente no jogo contra o Figueirense, já que cumpriram uma suspensão automática.

Mas nem todas as notícias foram ruins para a equipe pernambucana. O meia Hugo, grande destaque do time da Ilha do Retiro nas últimas rodadas, pegou apenas um jogo de gancho e, como já cumpriu a suspensão automática, está liberado para enfrentar o time catarinense.

Renan Teixeira já não iria entrar em campo, já que no mês passado um exame confirmou que o atleta sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho esquerdo e só volta aos gramados na próxima temporada. Os incidentes aconteceram na derrota dos pernambucanos por 2 a 1 para o Atlético-MG, na Arena Independência.

Na ocasião, os rubro-negros reclamaram muito de dois pênaltis que teriam sido ignorados pelo árbitro paulista Flávio Guerra, que expulsou Renan e Willians por ofensas. Já Hugo, que já havia recebido cartão amarelo, fez falta dura, levou o vermelho e ainda aplaudiu ironicamente a decisão do juiz.

Quem também foi punido no julgamento desta segunda-feira, foi o dirigente Guilherme Beltrão. Em entrevistas após a partida em Belo Horizonte, o diretor de futebol ofendeu Flávio Guerra e afirmou não se importar em caso de punição, resultando em 90 dias de suspensão e multa de R$ 5 mil.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade