Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Em crise, Vasco estuda maneira de investir em elenco forte para 2013

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Mesmo com o Campeonato Brasileiro ainda em andamento, a diretoria do Vasco já trabalha na montagem do elenco para 2013. Apesar disso, qualquer anúncio oficial só deverá acontecer na próxima semana, após o encerramento do nacional. O presidente Roberto Dinamite tem tido reuniões constantes com o diretor de futebol Daniel Freitas, sendo algumas delas na presença do diretor técnico Ricardo Gomes, todas elas focando engenharia financeira que possa permitir o clube investir na chegada de nomes fortes para o clube lutar por títulos na próxima temporada.

Com parte da receita de patrocínio presa na justiça por conta dos problemas com a Eletrobras e com receitas de cotas de TV antecipadas, o Vasco segue mergulhado em crise financeira, constantemente atrasando salários. Por conta disso, os mandatários do clube estudam maneira de usar todo o recurso disponível de forma inteligente para não acumular gastos com apostas erradas.

“A formação do elenco de 2013 parte pela solução dos problemas financeiros que estamos enfrentando. Solucionar essas questões se tornaram prioridade. Vamos fazer contratações pontuais, mas elas passam necessariamente por encontrarmos soluções financeiras”, confirma Daniel Freitas.

A ideia de Ricardo Gomes, que vai supervisionar o trabalho do técnico Gaúcho, é um elenco com no máximo 28 jogadores, sendo parte desse grupo com atletas revelados nas categorias de base. O treinador vascaíno aos poucos vem lançando os jovens, como fez no empate por 1 a 1 com o Flamengo, neste sábado, quando o volante Abuda e os meias Dakson e Marlone foram utilizados.

Marcelo Sadio/Divulgação/Vasco da Gama
Não correspondendo o alto salário, meia Carlos Alberto não deve seguir em São Januário no próximo ano
“O Vasco tem algumas peças importantes em suas categorias de base. O Abuda, com uma sequência de jogos, vai conseguir atuar em grande nível. O Dakson e o Marlone vão ajudar muito, também”, analisa o treinador.

Além de melhorar a questão do patrocínio, o clube pretende reduzir a folha salarial dispensando os atletas que não fazem parte dos planos da comissão técnica para 2013 a fim de conseguir dinheiro para reforços. A vasta lista de dispensa deve ser divulgada em São Januário na próxima semana, após a divulgação inicial aos atletas.

Entre os nomes que com terão vínculo renovado devem estar o zagueiro Fabrício, o lateral esquerdo William Matheus, o volante Eduardo Costa, os meias Diego Rosa e Chaparro e o atacante Pipico. Além disso, alguns jogadores de maior renome no elenco podem ser negociados por terem mercado e não serem considerados unanimidade na Colina, caso do meia Carlos Alberto, por exemplo. O jogador tem mais um ano de contrato e pode está nos planos do Palmeiras. Uma troca de peças poderia reforçar o Cruz-maltino sem que fosse necessário colocar a mão no bolso. De quebra, o clube se livraria de um salário considerado alto em São Januário.

Além disso, o clube espera anunciar em breve o retorno do meia Bernardo, emprestado ao Santos no primeiro semestre após ingressar na justiça cobrando os satrasados envolvendo salários e Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Naquela ocasião o atleta ficou sem clima em São Januário, fato hoje rechaçado pela diretoria. Bernardo vem inclusive dando entrevistas dizendo que se reapresentará em São Januário em janeiro, fato reforçado pelo desinteresse dos santistas na prorrogação de seu contrato.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade