Vôlei/Superliga - ( )

Desafetos Bernardinho e Zé Roberto se encontram nesta terça-feira

Campinas (SP)

Brigados desde os Jogos Olímpicos de Atenas-2004, Bernardinho e José Roberto Guimarães, dois dos maiores treinadores da história do vôlei brasileiro, se encontrarão às 19 horas (de Brasília) desta terça-feira, quando a Unilever enfrenta o Vôlei Amil, pela Superliga, na cidade de Campinas.

Zé Roberto já chegou a se mostrar disposto a uma eventual reaproximação, algo que não foi suficiente para comover Bernardinho. Na noite desta terça-feira, após anos de afastamento, os responsáveis por conduzir as seleções brasileiras nas últimas Olimpíadas estarão lado a lado na Arena Amil.

Ao falar sobre o adversário, Bernardinho foi diplomático. "É um time com uma excelente comissão técnica e que tem tudo para brigar pelo título da competição. Precisamos fazer o nosso melhor para tentar um bom resultado fora de casa," afirmou.

Pelo time de Campinas, Zé Roberto adotou uma linha semelhante. “A Unilever é um grande time e outro sério candidato ao título. Apesar de jogarmos em casa, com o apoio de nossa torcida, sabemos que será um jogo extremamente difícil”, declarou.

Além do encontro de peso do lado de fora das quadras, o confronto envolve nada menos que seis campeãs olímpicas. Enquanto Fernandinha e Walewska defendem a Amil, Fofão, Valeskinha e Natália vestem a camisa do Rio de Janeiro, que ainda conta com Fabi, a única bicampeã.

Divulgação/ZDL
O técnico José Roberto Guimarães conta com três medalhas de ouro olímpicas pela Seleção Brasileira
"Recentemente, fizemos alguns jogos-treino que ajudaram a entrosar melhor o grupo. Mas Campinas tem um grande time e vai jogar com o apoio de sua torcida. É um desafio nessa caminhada” disse Fabi, dona de cinco títulos da Superliga pelo time carioca.

Na primeira rodada do campeonato nacional, as duas equipes, que estão entre os principais candidatos ao título, estrearam com vitória. Em uma demonstração de força significativa, o Vôlei Amil venceu o poderoso Sollys/Nestlé, atual campeão da Superliga e mundial.

"Enfrentar a Unilever será tão difícil quanto jogar contra o Sollys. Sabemos que é um grande time, apesar de ainda não termos entrado em quadra contra eles, pois só disputamos o Paulista. Assim, vai ser um jogo de estudo, de buscar conhecimento”, disse Walewska, que aposta no saque forçado para impedir que Fofão jogue solta.

Do outro lado da quadra, a Unilever também chega embalada, uma vez que passou pelo São Cristóvão Saúde/São Caetano na primeira rodada. No dia da partida, as entradas deverão ser compradas diretamente na Arena Amil a partir de uma hora antes do início do duelo.

Divulgação/Local da Comunicação
Bernardinho conta com quatro campeãs olímpicas no elenco, entre elas a líbero Fabi, dona de dois ouros

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade