Vôlei/Supeliga feminina - ( - Atualizado )

Unilever não dá chances ao Vôlei Amil e vence por 3 sets a 1

Campinas (SP)

No jogo de maior destaque da segunda rodada da Superliga feminina de vôlei, principalmente por colocar frente a frente os técnicos campeões olímpicos Bernardinho e José Roberto Guimarães, a Unilever foi até a Arena Amil, em Campinas (SP), e derrotou o Vôlei Amil pelo placar de 3 sets a 1, com parciais de 25/23, 25/21, 20/25 e 25/15.

É a segunda vitória consecutiva da Unilever na Superliga feminina já que, na estreia, a equipe carioca havia derrotado o São Cristovão Saúde/São Caetano, em casa, por 3 sets a 0. Já o Vôlei Amil, que estreou com triunfo sobre o Sollys/Nestlé por 3 a 1, fora de casa, perde a primeira na competição.

A ponteira Natália, da Unilever, foi eleita a melhor jogadora em quadra e ganhou o troféu VivaVôlei. A maior pontuadora do jogo, entretanto, foi a ponteira búlgara Vasileva, do Vôlei Amil, que terminou o confronto com 18 pontos em sua conta.

O próximo compromisso da Unilever está marcado para a próxima sexta-feira, dia 30 de novembro, às 20h, quando o time do Rio de Janeiro pega o Pinheiros, fora de casa. No mesmo dia, às 20h15, o Vôlei Amil enfrenta o Rio do Sul, em Santa Catarina.

O jogo – O primeiro set de partida foi muito equilibrado e as duas equipes se mantiveram próximas no placar até o final do período. Porém, a Unilever conseguiu sair em vantagem e fechou a parcial com 25/23. Juciely foi a principal pontuadora do set inicial, contribuindo com cinco pontos para o time do técnico Bernardinho.

No segundo set, a Unilever se manteve na liderança do placar desde o início do período e, no segundo tempo técnico da parcial, mantinha uma folga de quatro pontos no placar (16 a 12). O Vôlei Amil diminuiu a desvantagem, mas o time do Rio de Janeiro se manteve melhor e abriu 2 a 0 no jogo, fechando o segundo set com 25/21.

O terceiro set foi bastante equilibrado e, mesmo com a Unilever conseguindo abrir uma folga no começo da parcial, o time do Zé Roberto Guimarães conseguiu reagir e diminuiu o prejuízo. Na reta final, o técnico Bernardinho se viu obrigado a pedir tempo técnico, depois que o Vôlei Amil passou à frente no placar e fez 22/20. E, com boa atuação da búlgara Vasileva, as representantes de Campinas reagiram e fizeram 25/20.

No quarto set, o time da casa chegou a ficar no comando do marcador em boa parte da parcial, mas a Unilever abriu grande vantagem, não deu chances para que o Vôlei Amil forçasse o tie-break e, com o último ponto de Natália, fechou o jogo com 3 sets a 1, aplicando 25/15 no período.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
A Unilever viajou até Campinas e derrotou o Vôlei Amil, conquistando a segunda vitória na Superliga

Confira todos os resultados da segunda rodada da Superliga feminina:

Vôlei Amil 1 x 3 Unilever (parciais de 23/25, 21/25, 25/20 e 15/25)
Sollys/Nestlé 3 x 0 São Bernardo Vôlei (parciais de 25/18, 25/10 e 25/9)
Pinheiros 0 x 3 Banana Boat/Praia Clube (parciais de 19/25, 14/25 e 17/25)
São Cristovão Saúde/São Caetano 3 X 1 Usiminas/Minas (parciais de 25/21, 26/24, 18/25 e 25/20)
Rio do Sul 0 x 3 Sesi (parciais de 11/25, 24/26 e 23/25)

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade