Corrida e Caminhada/Bastidores - ( - Atualizado )

Após doping, Comissão Disciplinar suspende José Magno por dois anos

São Paulo (SP)

Pego no exame antidoping da etapa de abertura do Circuito de Corridas da Caixa, realizada no dia 1º de abril deste ano, em Goiânia, o atleta José Magno dos Santos Mota foi suspenso de maneira oficial pela Comissão Disciplinar Nacional (CDN) da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), nesta quarta. Afastado provisoriamente desde 16 de maio, o corredor ficará agora mais dois anos sem poder participar de competições.

O exame de José Magno apresentou resultado positivo para a substância Mefentermina, proibida pela Agência Antidoping Mundial (Wada). O resultado do teste foi comunicado ao atleta, que sequer requereu o exame da segunda amostra de sua urina no prazo permitido pela Federação Internacional de Atletismo (Iaaf).

Substância da família das anfetaminas, a mefentermina é um estimulante cardiorrespiratório. Ao ser usada, acelera o batimento cardíaco e melhora a circulação sanguínea, melhorando o desempenho em práticas esportivas.

Na etapa em que foi descoberto no exame antidoping, José Magno completou os 10km de prova na 13ª colocação, com o tempo de 31min31s. Líder da prova, Gilmar Lopes cruzou a linha de chegada em 29min54s.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade