Atletismo/São Silvestre - ( - Atualizado )

Banheiro é parada obrigatória por 15 km mais tranquilos

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Há banheiros químicos instalados por toda a Avenida Paulista. Antes da largada para 15 km de esforço na São Silvestre, corredores e corredoras fizeram uma parada praticamente obrigatória em um deles para uma prova mais tranquila.

“Não custa nada fazer esse pit stop. Você acaba suando bastante e nem sente vontade de ir ao banheiro durante a corrida, mas não custa nada ficar mais leve agora”, disse Ananias dos Santos, de 62 anos.

O aposentado disputou sua terceira São Silvestre. Em todas as edições de que participou da tradicional corrida de rua, fez a parada tradicional antes de partir para as subidas e descidas do exigente percurso.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Os banheiros espalhados pela Avenida Paulista foram disputados antes da largada
“Olha, eu posso dizer que está dando resultado. Completei todas as provas inteiraço, melhor do que muito garotinho malhado”, sorriu Santos, um dos que faziam fila em um dos 20 banheiros químicos instalados entre a Alameda Campinas e Rua Pamplona.

Outra preocupação do aposentado e de boa parte dos 25 mil corredores era a hidratação. Eles tomaram água antes da largada, algo que puderam repetir em um dos cinco postos instalados ao longo dos 15 km.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade