Corrida e Caminhada/Volta da Pampulha - ( - Atualizado )

Giovani dos Santos acaba com domínio africano na Volta da Pampulha

Belo Horizonte (MG)

Fora da lista de favoritos ao título da Volta da Pampulha, o brasileiro Giovani dos Santos superou os grandes nomes da prova deste domingo e conquistou a tradicional prova mineira. O triunfo brasileiro acaba com série de quatro anos com domínio africano nas provas masculina e feminina em Belo Horizonte.

Assumindo a ponta desde o início de prova, Giovani resistiu ao ritmo dos africanos e foi ameaçado apenas por Chala Debele, com quem revezou a liderança em alguns momentos dos cerca de 18,6 km de prova.

Correndo lado a lado durante praticamente toda a prova, sem quenianos no pelotão de frente, os dois só decidiram o título no quilômetro final da Volta. Com arrancada impressionante, Giovani abriu vantagem para o adversário e completou a prova em 57m04s, 14 segundos à frente de Debele.

O Brasil teve ainda mais dois representantes no pódio, já que Valério de Souza e Damião Ancelmo terminaram a prova mineira na terceira e quarta colocação, respectivamente.

“Eu saí um pouco lento, procurei fazer meu melhor. Fiz muito trabalho de resistência. O africano me alcançou, tentou me passar, mas não deixei. Deus quis que eu fosse recompensado. Deixei minha família, tudo em casa e fui treinar”, comemora Giovani, em entrevista à TV Globo.

Na prova feminina, porém, o Brasil não teve a mesma sorte. Com o tempo de 1h07m11s, a queniana Maurine Jelagat manteve o domínio de seu país na prova – este foi o sétimo título do Quênia na Pampulha, o sexto seguido. O país ainda teve a tricampeã da prova, Nancy Kipron, na segunda colocação.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade