Atletismo/São Silvestre - ( - Atualizado )

Melhor brasileiro da SS-2011, Damião sonha com lugar no pódio

Bruno Ceccon São Paulo (SP)

O alagoano Damião Ancelmo de Souza foi o melhor brasileiro na edição de 2011 da Corrida Internacional de São Silvestre, vencida pelo etíope Tariku Bekele, ao terminar na sétima colocação. Na prova da próxima segunda-feira, o corredor projeta um lugar entre os cinco primeiros para subir ao pódio.

“No ano passado, o treinamento que fiz não foi satisfatório. Até que me preparei bastante, mas não esperava uma prova tão forte. Dessa vez, nos prevenimos ao máximo e espero que Deus ilumine para não ter tanta chuva. Quero subir mais alguns degraus para chegar ao pódio”, avisou.

Damião alcançou seu melhor resultado na São Silvestre com o percurso inovador de 2011, marcado pela chegada em frente ao Parque do Ibirapuera. Nesta segunda-feira, o término será na Avenida Paulista, diante do prédio da Fundação Cásper Líbero, mas o alagoano mantém o otimismo.

“Minha marca melhorou com o percurso do ano passado. Não costumo ter bons desempenhos no trajeto de segunda-feira, porém venho treinando bem e espero conseguir colocar tudo em prática na corrida para subir ao pódio ou até vencer”, declarou Damião.

Além de promover a volta da chegada à Avenida Paulista, a organização da 88ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre marcou a largada para o período da manhã. Radicado no Rio de Janeiro, Damião abriu um sorriso ao comentar a alteração no horário.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Os irmãos gêmeos Damião (à esquerda) e Cosme disputarão a Corrida Internacional de São Silvestre juntos
“Vai dar tempo de competir e voltar para a casa. Desde que passei a ser atleta de elite, esse é o primeiro ano que vou ter o prazer de comemorar o Réveillon com a minha família. Independentemente do horário de largada, a São Silvestre vai ter sempre o mesmo brilho”, declarou o competidor.

Damião chegou a sofrer uma lesão na Volta Internacional da Pampulha, disputada no dia 9 de dezembro, mas se diz em boas condições físicas. “Tive uma recuperação muito rápida e consegui fazer uma preparação adequada para disputar a São Silvestre”, disse o atleta.

A elite feminina da São Silvestre parte às 8h40 (de Brasília) desta segunda-feira, 20 minutos antes da elite masculina. Uma das principais esperanças do Brasil na prova, Damião terá a companhia de Cosme, seu irmão gêmeo que tem o 10º lugar como seu melhor resultado.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade