Atletismo/São Silvestrinha - ( - Atualizado )

Palhaço corredor treina para São Silvestre incentivando crianças

André Sender e Helder Júnior São Paulo (SP)

Em meio ao esforço de crianças e adolescentes na 19ª edição da São Silvestrinha, no Estádio Ícaro de Castro Mello, um corredor se destaca pela altura e os trajes pouco usuais. É Clemente Medeiros, de 52 anos de idade, o palhaço Alegria, contratado pela organização para incentivar os atletas mirins durante a prova e animar o público nas arquibancadas.

Com peruca, óculos escuros, nariz vermelho de palhaço, gravata, colete, saia e meias de cores diferentes, Alegria participou pela oitava vez da São Silvestrinha comemorando a oportunidade de incentivar cerca de 2 mil crianças a praticarem atividades físicas.

“É muito legal trabalhar aproximando as crianças desse esporte maravilhoso e ter um público desse tamanho batendo palmas para você”, disse o animador, que lidou com facilidade com as diversas idas e vindas pela pista no Ícaro de Castro Mello, nesta sexta-feira.

Clemente é praticante de corridas de rua, treina três vezes por semana e tem até uma equipe. O palhaço se considera especialista em provas de 10km, mas em 31 de dezembro se vestirá novamente de Alegria para correr os 15km da São Silvestre pela 13ª vez.

“A prova adulta e o evento para crianças são fantásticos. Gosto de participar de corridas festivas em que a gente pode correr e também aparecer um pouco”, afirmou o integrante da Equipe Jabaquara, que se misturará a outros 25 mil atletas para correr pelas ruas de São Paulo no último dia do ano.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Palhaço Alegria correu ao lado de crianças na São Silvestrinha e participará da prova adulta em 31 de dezembro

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade