Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Amigo de Mano, Paulo Pelaipe é o novo diretor de futebol do Flamengo

Rio de Janeiro (RJ)

O experiente Paulo Pelaipe, que já foi consultor do Corinthians e ocupou o cargo de diretor executivo do Grêmio na gestão de Paulo Odone, será o homem forte do futebol do Flamengo após a eleição da Chapa Azul, comandada pelo novo presidente Eduardo Bandeira de Mello. A confirmação do acerto com o novo diretor de futebol foi feita por Claudio Pracownick, vice de Administração do clube a partir de 2013.

O novo dirigente flamenguista deve ser apresentado no início da tarde desta terça-feira, na sede do clube, e terá como primeira missão resolver algumas pendências que a gestão Patrícia Amorim deixou no clube. Uma delas é a permanência do atual diretor executivo, Zinho, que tem contrato se encerrando em dezembro, além de jogadores como Léo Moura e Renato Abreu. A mais importante, no entanto, diz respeito ao trabalho de Dorival Júnior, que tem vínculo até o fim de 2013, mas pode não permanecer no cargo de treinador.

Pelaipe já teve a oportunidade de trabalhar com Mano Menezes, um dos nomes apontados para substituir Dorival, no Grêmio, na campanha do vice-campeonato da Libertadores de 2007. Na ocasião, o Tricolor Gaúcho havia voltado da Série B e tirado o treinador do Caxias. Antes de decidir o futuro do atual técnico com a nova cúpula do Flamengo, o dirigente evita falar do passado.

“Não tem nada a ver, não tem nada de Mano Menezes. A primeira coisa que eu vou fazer será me reunir com o presidente. Todo mundo fala de Mano porque fui eu que busquei ele no Caxias e levei para o Grêmio. Trabalhamos três anos juntos e temos um bom relacionamento. Mas isso não tem relação com nada”, decretou Paulo Pelaipe ao Jornal Extra.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade