Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Chapa Azul destrona Patrícia Amorim e Bandeira de Mello é eleito

Rio de Janeiro (RJ)

Encabeçada por Eduardo Bandeira de Mello, a Chapa Azul venceu as eleições do Flamengo, realizadas nesta segunda-feira. Com 1414 votos, os novos mandatários da Gávea superou por exatos 500 votos a Chapa Amarelo Ouro, que tentava a reeleição de Patrícia Amorim. A Chapa Rosa, de Jorge Rodrigues, foi escolhida por 347 sócios.

Algumas centenas de torcedores acompanharam a apuração no ginásio Hélio Maurício, que se iniciou por volta das 21h30 (de Brasília) e teve fim apenas às 23h30 (de Brasília).

Já durante a apuração, a presidente do Flamengo admitiu derrota, dando um abraço no vencedor. "Se errei, peço desculpas", limitou-se a dizer Patrícia Amorim, dirigindo-se a todos os rubro-negros.

A principal bandeira do presidente eleito é a modernização e profissionalização do departamento de futebol do Flamengo. Para conter a má situação financeira do clube, que tem uma dívida de centenas de milhões de reais, Bandeira de Mello defende uma boa administração e o apoio na maior torcida do Brasil.

Patrícia Amorim deixa o Flamengo depois de fracassos no futebol nos dois últimos anos e por inúmeras crises na equipe. Além do entrevero com Zico, maior ídolo da equipe e apoiador de Bandeira de Mello, atrasos de salários e a decepção da contratação de Adriano marcaram a gestão.

Essa foi a segunda derrota de Patrícia Amorim nas urnas em 2012. Candidata a reeleição também na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro, a presidente do Flamengo recebeu apenas 11.687 votos e não conseguiu mais um mandato.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade