Futebol/Amistoso - ( - Atualizado )

Com Xabi Alonso, seleção do País Basco goleia Bolívia em amistoso

San Sebastián (Espanha)

Principal vítima do regime militar de Francisco Franco na Espanha, a região do País Basco, que faz fronteira com a França, se orgulha de suas origens e ganhou mais um motivo para celebrar o ano de 2012. Depois de verem o Athletic Bilbao ficar com o vice-campeonato da Liga Europa, os bascos foram presenteados com uma goleada por 6 a 1 do selecionado do país sobre a Bolívia.

Jogando no estádio Anoeta, casa da Real Sociedad, a Euskadi iniciou a partida com um time recheado de titulares e destaques do Campeonato Espanhol, todos nascidos na região, como o goleiro Gorka Iraizoz (Athletic Bilbao), o lateral direito Andoni Iraola (Athletic Bilbao), meia Beñat (Betis), o centroavante Aritz Aduriz (Athletic Bilbao) e o volante Xabi Alonso (Real Madrid), que revelou desejo em encerrar a carreira na Real Sociedad.

Em 15 minutos de partida, Aduriz já havia balançado as redes sul-americanas por duas vezes, enquanto Gaizka Toquero e Ibai Gómez construíram a goleada ainda no primeiro tempo. Depois de mais homenagens no intervalo, como para o técnico dos bolivianos, o basco Xabier Azkargorta, a seleção local seguiu sem dar chances.

Toquero deixou o segundo dele e o quinto dos bascos, enquanto Pontons descontou para a Bolívia. Mas o time que contou com o ex-corintiano Juan Arce ainda levou o sexto no último minuto do amistoso, quando Imanol Agirretxe, da Real Sociedad, sacramentou a goleada.

Além do ano vitorioso no futebol, o País Basco está próximo de celebrar mais uma conquista. O grupo separatista ETA (Pátria Basca e Liberdade), que foi considerado autor de diversos atentados terroristas ao longo da história espanhola, negocia com os governos da Espanha e da França para entregar todo o armamento. Desde 2011 o grupo já não se considera armado e agora se dedicará exclusivamente à política.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade