Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Kalil vibra com as chegadas de Alecsandro e Rosinei ao Galo

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O Atlético-MG ainda não contratou um reforço de ponta para a temporada 2013, mas os atletas que chegaram até o momento qualificam o elenco atleticano na visão do presidente Alexandre Kalil. Na última quarta-feira, o Galo anunciou a contratação do volante Rosinei, que estava no América-MEX e do atacante Alecsandro, que veio do Vasco.

“Se puder reforçar com um grande nome ótimo, estamos tentando, mas é importante qualificar o grupo. Trazer o Alecsandro, ele não é titular, o Jô que é, mas ele qualifica, vai disputar posição, então, essa é a intenção da diretoria, qualificar em posições pontuais”, disse Kalil em entrevista à Rádio Globo.

Kalil considera que o fato de segurar jogadores importantes como Ronaldinho Gaúcho e Bernard pode ser considerado como reforço, já que são atletas visados por outros clubes. “Estamos qualificando o nosso grupo, nós não podemos mexer muito no grupo que fez 72 pontos no Campeonato Brasileiro. Está todo aí, Bernard está aí, Ronaldinho está aí. Quando você renova com o Ronaldinho ou recusa proposta de quase 12 milhões de euros pelo Bernard, você está contratando”, comentou.

Divulgação/Vasco da Gama
Alecsandro trocou de alvinegro e agora disputará posição de titular no ataque com o grandalhão Jô
O mandatário alvinegro falou sobre a vinda de Rosinei, que estava esquecido no futebol mexicano e justificou a contratação alegando que o Atlético-MG vai precisar de elenco para as competições de 2013. “Ele vem para qualificar o grupo, jogador que atua pelo lado direito, que o Cuca está pedindo. O grupo que vai disputar quatro competições está sendo qualificado, entra um sai outro, de repente estoura o jogador e vira ídolo”, afirmou.

Questionado sobre Diego Tardelli, Kalil voltou a frisar que é um reforço difícil de trazer. “Jogador bom é difícil, é complicado negociar esse tipo de jogador que está fazendo sucesso, é artilheiro do time, estamos tentando, acho muito difícil, mas vamos tentar até o último momento”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade