Basquete/NBA - ( - Atualizado )

Por faltas duras, Dwayne Wade é suspenso e Dwight Howard multado

Miami (Estados Unidos)

A falta cometida em cima do armador Ramon Sessions durante o embate entre Miami Heat e Charlotte Bobcats, na última quinta-feira, custou caro ao ala-armador Dwayne Wade. Como consequência da infração, a National Basketball Association (NBA) anunciou punição ao atleta do time comandado pelo treinador Erik Spoelstra, que deverá cumprir suspensão de uma partida e desfalcará a equipe na sequência do torneio.

Em análise posterior ao jogo, a organização da NBA julgou que o atleta chutou propositalmente a virilha do adversário durante a falta. Com isto, Wade fica de fora da partida entre Miami Heat e Detroit Pistons, nesta sexta-feira, no Palace of Auburn Hills.

Além de Dwayne Wade, outro jogador punido pela NBA foi Dwight Howard, do Los Angeles Lakers, que foi multado em U$S 35 mil (aproximadamente R$ 71,5 mil). Na última quinta-feira, durante o terceiro quarto da derrota por 126 a 114 diante do Denver Nuggets, o pivô foi expulso de quadra por cometer uma falta considerada de grau dois no ala-pivô Kenneth Faried.

“Fiquei surpreso pela falta ter sido considerada flagrante de grau dois”, disse o atleta da franquia californiana. “Minha intenção nunca foi machucar Faried. Queria apenas fazer a falta. Se eu for em direção a cesta, alguém vai cometer uma infração em mim e me colocar na linha de lances livres. Foi isso que busquei fazer”, encerrou.

Miami Heat e Los Angeles Lakers vivem situações distintas nesta temporada da NBA. Os atuais campeões ocupam a primeira colocação na tabela de classificação da Conferência Leste, com 76,9% de aproveitamento (20 vitórias e seis derrotas), enquanto o time comandado pelo treinador Mike D’Antoni é o 11º colocado da Conferência Oeste, com 48,3% (14 triunfos e 15 derrotas).

AFP
Dwight Howard foi expulso de quadra por falta cometida em Kenneth Faried, do Denver Nuggets, nesta quarta-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade