Futebol/Bastidores - ( )

René volta a garantir saída de Felipe, mas nega problemas internos

Rio de Janeiro (RJ)

A novela envolvendo a permanência de Felipe no Vasco ganhou mais um episódio neste sábado. O diretor executivo René Simões rebateu declarações dadas pelo presidente Roberto Dinamite nessa sexta e garantiu que o meia não permanecerá em São Januário.

“O Felipe não pode falar o que falou [em entrevista ao jornal Extra da última quarta-feira, o meia criticou de maneira dura a diretoria pelos constantes atrasos de salário no clube]. Tentaremos uma rescisão amigável ou algo do tipo. Ele não pode desrespeitar a marca do clube assim. Tive uma conversa com o Dinamite pela manhã para resolvermos isso. O jogador tem contrato com o clube, e o Vasco não tem dinheiro para rescindir. Então ele fica, mas obviamente de uma forma diferente. Vamos colocar um grupo de profissionais para treiná-lo, já que não podemos privá-lo de treinar”, explicou René á Rádio Globo.

Nessa sexta, o próprio diretor já havia afirmado que Felipe não iria permanecer em São Januário. Algumas horas depois, Dinamite desmentiu seu subordinado, garantindo que o armador não deixaria o clube. Mesmo com tantos discursos desencontrados, René garantiu que não existe nenhum tipo de problema entre os membros da cúpula cruz-maltina.

“Eu, o Roberto Dinamite e o [diretor técnico] Ricardo Gomes não temos nenhuma divergênca. Estamos absolutamente afinados. O presidente sabe que a parte dele é política, a minha é negociar e contratar, e a do Ricardo é técnica”, disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade