Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Tricolor distribui 49 mil bandeiras e torcida já 'invade' o Morumbi

Gabriel Carneiro e Tossiro Neto São Paulo (SP)

Cerca de 50 otimistas torcedores do Tigre já tomaram seu pequeno espaço reservado no estádio do Morumbi. Do lado de fora do estádio, no entanto, grandes filas eram formadas pela torcida do São Paulo, que prepara grande festa para comemorar o possível título da Copa Sul-americana, competição que conhecerá seu vencedor inédito nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília). Os portões foram abertos exatamente às 19h05 para a 'invasão' tricolor, que formará o maior público do futebol nacional em 2012.

Para aumentar a grandiosidade da festa, o departamento de futebol do São Paulo mandou serem distribuídas 49 mil bandeiras brancas, com o escudo da equipe ao centro, na entrada do Morumbi. Como o público esperado é de 67 mil torcedores – o maior do futebol brasileiro na temporada 2012 -, os outros torcedores ainda contarão com mais um presente distribuído pela patrocinadora do evento: balões infláveis em formato de cano, semelhantes aos que uma torcida organizada do Tricolor já faz uso nas partidas da equipe.

Nas grandes filas formadas do lado de fora do Morumbi, era possível ouvir os tradicionais gritos de guerra da torcida, mas os portões ainda não haviam sido abertos. No prejudicado gramado que recebeu dois shows na última semana foi armado um palco em que a taça da empresa patrocinadora ficou em exposição. Profissionais de organização e logística do clube trabalham desde as 17 horas para deixar tudo pronto para o apito inicial do chileno Enrique Osses.

Com festa da torcida garantida, o São Paulo depende de uma vitória simples para ser campeão da Sul-americana pela primeira vez em sua história. Equipe com mais participações entre os brasileiros, o Tricolor só havia atingido as semifinais em 2003, mas desta vez avançou para a final, disputada contra o modesto Tigre, da Argentina.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade