Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Caso Bruno Mendes tem audiência marcada e pode ser resolvido em 2012

Rio de Janeiro (RJ)

A novela envolvendo Guarani e o ex-jogador Andrei, que tirou o atacante Bruno Mendes do Botafogo na reta final do Campeonato Brasileiro, está próxima de ser encerrada. No fim da tarde desta quarta-feira as partes foram comunicadas que a audiência para resolver o caso foi marcada para o dia 14 de dezembro, às 14 horas (de Brasília).

Destaque do Guarani na campanha do vice-Campeonato Paulista, Bruno Mendes teve os direitos econômicos penhorados para que o time de Campinas quitasse dívidas com Andrei. Ex-presidente do clube, Marcelo Mingone afirmou desconhecer a penhora e negociou o atacante por R$ 7 milhões para um grupo de empresários chamado HAZ.

Registrado como jogador do Macaé, o garoto foi emprestado ao Botafogo e, com seis gols em oito jogos, caiu nas graças da torcida e logo se tornou alvo de especulações envolvendo o futebol europeu. Assim que Andrei entrou na justiça, porém, Bruno Mendes teve o contrato rescindido com o Glorioso e não atuou nas duas últimas rodadas do Brasileirão.

Além disso, o centroavante foi impedido de aparecer utilizando uniformes do time de General Severiano e passou a treinar somente na academia do clube carioca. Inicialmente, a audiência do dia 14 de dezembro estava prevista somente para 11 de janeiro de 2013.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade