Futebol/Campeonato Inglês - ( - Atualizado )

Hat-trick de Dzeko dá vitória, mas não aproxima City do Manchester

Norwich (Inglaterra)

O bósnio Edin Dzeko infernizou a defesa do Norwich neste sábado e marcou três gols. Apesar do hat-trick do atacante, o Manchester City custou para vencer por 4 a 3 fora de casa – o outro gol foi do argentino Sergio Aguero – e não diminuiu a distância à liderança do Campeonato Inglês.

A diferença do Manchester United, que bateu o West Bromwich simultaneamente, continua sendo de confortáveis sete pontos (49 contra 42).

Jogando em Carrow Road, o City construiu placar positivo com muita rapidez. Logo no primeiro minuto, Dzeko recebeu cruzamento de David Silva na marca do pênalti e, de perna esquerda, bateu de primeira no canto direito. Três minutos depois, Aguero chegou à linha de fundo e, cercado pelo goleiro, atrasou para Dzeko, novamente de primeira, achar espaço entre os zagueiros para balançar a rede mais uma vez.

O Norwich reagiu e diminuiu a desvantagem aos 14 minutos. Pilkington cobrou falta perto da meia-lua, a bola desviou em Clichy e enganou o goleiro Joe Hart. Antes do fim do primeiro tempo, Nasri ainda foi expulso.

AFP
Dzeko fez três gols e foi o destaque em Norwich
Mesmo com um jogador a menos, o City conseguiu ampliar o marcador. Aguero foi lançado às costas da defesa e encobriu o goleiro para movimentar o placar aos cinco minutos do segundo tempo. Treze minutos depois, Martin descontou e reanimou a torcida do Norwich.

Nome do jogo, Dzeko tratou de conter a reação mandante. Com belo domínio no peito, ele correu em direção ao gol e chutou forte. A bola ainda tocou na trave esquerda e no goleiro antes de balançar a rede. O gol, porém, não foi contabilizado para o bósnio pela arbitragem da partida, que entendeu que o goleiro Bunn interferiu diretamente na jogada, marcando contra.

O City, entretanto, viu pela terceira vez a vantagem de dois gols diminuir. Aos 30 minutos, Martin anotou o terceiro gol do Norwich e, tendo um homem a mais, partiu em busca do empate. Mas a reação parou por aí, para sorte dos comandados de Roberto Mancini.

Sorte que também teve o Manchester United. O líder contou com gol contra para derrotar o West Bromwich por 2 a 0, como mandante, e manter em sete pontos a folga na ponta da tabela.

O primeiro gol em Old Trafford foi marcado aos nove minutos. Ashley Young tabelou com o japonês Shinji Kagawa, invadiu a área e cruzou à meia altura. O zagueiro McAuley tentou o corte, mas desviou a bola por entre as pernas do goleiro Ben Foster, seu companheiro de equipe. O golpe derradeiro, de Van Persie, foi somente no último minuto do tempo regulamentar.

Confira os demais resultados da rodada:

Sunderland 1 x 2 Tottenham
Aston Villa 0 x 3 Wigan
Fulham 1 x 2 Swansea
Reading 1 x 0 West Ham
Stoke 3 x 3 Southampton 

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade